ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  26    CAMPO GRANDE 27º

Sabor

Genitália anda mesmo na moda e agora inspira até “Pepekacake”

Encomenda especial para despedida de solteira fez sucesso nas redes sociais

Por Jéssica Fernandes | 15/10/2021 07:29
Confeiteira criou a sobremesa com detalhes e sabores diferentes. (Foto: Arquivo Pessoal)
Confeiteira criou a sobremesa com detalhes e sabores diferentes. (Foto: Arquivo Pessoal)

Não é novidade que o pessoal sabe inventar moda na hora de criar docinhos para vender. Algumas confeitarias produzem chocolates em formatos de coração, videogame, dinossauro e em outras temáticas mais “fofas”.

Depois do Lado B mostrar que existe o bombom na versão de “piroca”, a novidade da vez é o “Pepekacake”. Sim, é exatamente isso que você leu! A junção de "pepeca" com cupcake, uma sobremesa tradicional no modelo de bolinho, mas com aparência de vagina.

Ketlyn trabalha desde 2009 na área e administra sozinha o negócio. (Foto: Arquivo Pessoal)
Ketlyn trabalha desde 2009 na área e administra sozinha o negócio. (Foto: Arquivo Pessoal)

A advogada Ketlyn Laura de Souza e Souza, 28 anos, que também trabalha como confeiteira, é a responsável por produzir a novidade. Ao Lado B, a empreendedora contou que a encomenda especial ocorreu a pedido de uma amiga.

Apesar de trabalhar desde 2009 com confeitaria, foi a primeira vez que a profissional recebeu um pedido assim.

“Ela queria para um chá de solteira, mandei as ideias, mas ela falou que queria uma coisa diferente inspirada na série Sex Education, porém mais artesanal”, conta.

A série citada por Ketlyn, é uma das produções mais populares do momento na Netflix. Na história, a personagem Aimee Gibbs produz os cupcakes no formato do órgão genital feminino para realizar na escola, a campanha “Toda PPK é linda”.

Como a arte imita a vida, a advogada também colocou a mão na massa e deu asas à imaginação.

Os "Pepekacakes" elaboradas ganharam diferentes aparências, tamanhos e detalhes.

“Eu tive a ideia de usar frutas vermelhas para representar a menstruação, tem uma que tem piercing e outra é mais tortinha”, ri.

Cupcakes inspirados em série fizeram sucesso nas redes sociais. (Foto: Arquivo Pessoal)
Cupcakes inspirados em série fizeram sucesso nas redes sociais. (Foto: Arquivo Pessoal)

Nas opções quatro leites com frutas vermelhas, limão siciliano e blueberry e brigadeiro ao leite, as encomendas foram um sucesso na despedida de solteira. “Eu passei a madrugada fazendo, inventando e me diverti muito. As meninas gostaram bastante, porque cada uma tinha um sabor diferente, então, foi muito legal. Na rede social, também teve bastante repercussão”, conta.

Questionada sobre como foi produzir pela primeira vez a receita, ela afirma que sempre topa as loucuras que os clientes propõem. “Eu gosto de desafio, faço mesmo que nunca tenha feito na vida, quebro a cabeça, mas acerto. Eu sempre falo que meus doces são uma experiência diferente”, ressalta.

Natural de Fátima do Sul, Ketlyn se mudou recentemente para Campo Grande com o marido. Por aqui, as pessoas ainda não conhecem o seu talento na cozinha, mas na outra cidade, não falta fã do trabalho audacioso na temática, com frases eróticas moldadas no chocolate, por exemplo.

“Eu tinha uma freguesia muito boa, vendia bastante em Fátima bolos escritos, por exemplo, eu amo sua bunda, amo o seu pau. Fazia sucesso, porque lá ninguém faz isso”, diz.

Encomendas especiais com frases eróticas eram sensação em Fátima do Sul. (Foto: Arquivo Pessoal)
Encomendas especiais com frases eróticas eram sensação em Fátima do Sul. (Foto: Arquivo Pessoal)

Com o negócio “Laura Brigaderia” no Instagran, além dos Pepekacakes, a empreendedora também faz bolo temático, caseiro, brigadeiro, torta, pudim, cone trufado, ovo de colher, copo da felicidade e várias outras delícias, também para quem quer algo bem mais comportado.

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563. 

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário