A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

06/07/2019 07:45

Renegados por alguns, ossobuco e mocotó são sugestões para o inverno

Chef ensina pratos para serem feitos em minutos e aquecer nos dias mais frios.

Thailla Torres
Mocotó com flores comestíveis. (Foto: Bruno Abreu)Mocotó com flores comestíveis. (Foto: Bruno Abreu)

Com a chegada do inverno, alguns cortes de carne ganham novo status, como o ossobuco, mocotó e pucheiro. Mas ao longo das estações, essas carnes também são renegadas por quem associa o corte à baixa qualidade. Mas nas redes sociais e no trabalho, o chef de cozinha Bruno Abreu tem provado que preparar um ossobuco ou mocotó é tarefa da alta gastronomia e são boas para aquecer neste inverno.

“Muita gente tem preconceito porque não considerar esses cortes carnes nobres ou acham que eles remetem a pobreza. Mas pra mim eles sempre remetem a uma gastronomia de altíssima qualidade”, afirma o chef.

Bruno explica que na maior parte da alta gastronomia acredita-se que comida de qualidade é somente aquela selecionada com os melhores ingredientes, ou seja, frescos e de preferência orgânicos e não processados. “Mas eu afirmo em dizer de que não tem ingrediente mais fresco e adequado se não o que é produzido e utilizado nas proximidades. Para o inverno sabemos que a comida que mais nos agrada é aquela que tem um caldinho gostoso compondo o prato”.

Por isso, o chef ensina duas receitas que além de saudáveis, podem ser sugestões para quem quer economizar. Um deles é a base de ossobuco na panela de pressão temperado com especiarias naturais. De acompanhamento, uma farinha de mandioca cozida com a própria água do ossobuco. “Representando nosso simples jeito de viver desde que tenha qualidade. É um preparo simples, utilizando ingredientes disponíveis na região e com todas as vitaminas necessárias para nutrir e esquentar neste friozinho”.

Outra sugestão é o mocotó. “Um prato simples e cheio de vitaminas, rico em colágeno, que faz muito bem para pele e ajuda quem busca manter a aparência jovem. Para temperar utilizei coentro selvagem e flores comestíveis”. Confira as receitas.

Ossobuco com pirão de farinha de mandioca. (Foto: Bruno Abreu)Ossobuco com pirão de farinha de mandioca. (Foto: Bruno Abreu)

Ossobuco a la Olla!

Ingredientes: 

1 Kg de OssoBuco

100 ml de banha de porco com Urucum

1 Cebola Grande

5 Dentes de Alho

Especiarias e sal a gosto. (No caso desta receita eu utilizei especiarias de açafrão da terra e uva japonesa).

Modo de preparo: Em uma panela, coloque a banha de porco e refogue a cebola bem picadinha até dourar. Acrescente o alho picado e em seguida o ossobuco. Deixe o ossobuco na panela selando até que crie uma crosta saborosa. Acrescente a água e tampe a panela de pressão. Deixe cozinhar após pegar a pressão por volta de 40 minutos. Para finalizar, aproveite o líquido da carne para fazer um pirão apenas juntando o líquido e a farinha de mandioca.

Mocotó

Ingredientes:

1 Kg de Mocotó

100g de Manteiga de Garrafa

1 Cebola Grande

5 Dentes de Alho

Especiarias e sal a gosto. (No caso desta receita eu utilizei especiarias de açafrão da terra e coloral).

Modo de preparo: Em uma panela refogue a cebola bem picadinha na manteiga até dourar. Acrescente o alho também picado e em seguida o mocotó. Adicione água e tampe a panela de pressão.

Deixe cozinhar após pegar a pressão por volta de 40 minutos. Para finalizar, utilize Panc (Plantas Alimentícias Não Convencionais) incluindo flores comestíveis e coentro selvagem.

imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.