A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Novembro de 2019

07/11/2019 17:20

Chuva colabora com brigadas e focos de incêndios caem 81% em 24 horas

Na quarta-feira foram registrados pelos satélites 120 focos contra 22 de hoje (7), sendo 16 em Corumbá, segundo o Inpe

Gabriel Neris
Brigadistas do Prevfogo tentam combater chamas (Foto: Divulgação)Brigadistas do Prevfogo tentam combater chamas (Foto: Divulgação)

Os focos de calor na região do Pantanal diminuíram de forma significativa nas últimas 24 horas com a atuação da força-tarefa criada pelo Estado e a chegada das chuvas. De acordo com o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), na quarta-feira foram registrados pelos satélites 120 focos contra 22 de hoje (7), uma queda de 81%.

O tenente-coronel Fábio Catarinelli, coordenador da Defesa Civil, calcula que a área queimada desde 26 de outubro no Pantanal e na borda do Parque Estadual do Rio Negro soma 173 mil hectares.

“Estamos caminhando para o controle do fogo, com trabalhos de rescaldo e monitoramento aéreo e terrestre das áreas ainda críticas”, afirmou.

As chuvas que caíram na região atingida pelos focos de calor na vegetação somaram 70 milímetros somente na quarta-feira. Com as mudanças, a base operacional foi transferida da Fazenda BR Pec para a Fazenda Bodoquena, na margem da MS-243, entre os municípios de Miranda e Corumbá.

A Operação Pantanal 2 conta com contingente de 170 homens e cinco aeronaves. O efetivo foi reforçado com a chegada de 38 bombeiros do Distrito Federal. Também participam das ações o Corpo de Bombeiros do Estado, Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), através do Prevfogo, ICMbio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), Exército, Polícias Militar Ambiental, Rodoviária Federal e Militar.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions