ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 10º

Meio Ambiente

Governo confirma apoio do Exército e Força Nacional no Pantanal

Três aeronaves do Exército e 50 homens da Força Nacional devem ser enviados para ajudar no combate às chamas

Por Lucas Mamédio | 22/06/2024 14:08
Brigadistas tentam controlar as chamas no Pantanal (Foto: Divulgação/Governo de MS)
Brigadistas tentam controlar as chamas no Pantanal (Foto: Divulgação/Governo de MS)

O Governo do Estado confirmou o apoio aeronaves do Ibama e quatro de grande porte do Exército Brasileiro, bem como disse que houve sinalização positiva da União para envio de 50 homens da Força Nacional para ajudar nos trabalhos.

"Recebemos o contato do Ibama onde foi confirmado o deslocamento de duas aeronaves Air Tractor e mais um helicóptero para o apoio ao combate no Pantanal. Este pedido nosso foi apresentado na semana passada durante aquela reunião em Campo Grande", afirmou o secretário estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação, Jaime Verruck.

O Governo do Estado opera, atualmente, com dois helicópteros e uma aeronave Air Tractor no Pantanal.

Reforço neste sábado - Na tarde deste sábado (22) chegarão dois aviões e um helicóptero para fortalecer o combate aéreo das chamas. Enquanto as três aeronaves não chegam, o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) já convocou mais 100 brigadistas para atuar no Pantanal.

Brigadistas tentam controlar as chamas no Pantanal (Foto: Divulgação/Governo de MS)
Brigadistas tentam controlar as chamas no Pantanal (Foto: Divulgação/Governo de MS)

O helicóptero modelo B3 tem capacidade transportar quatro brigadistas e 600 litros de água. A aeronave pertence ao Ibama e está vindo do Pará. Já os aviões Air Tractor são do ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade) e podem auxiliar no transporte de 1.800 a 2.500 litros de água.

O coordenador estadual do Prevfogo do Ibama em Mato Grosso do Sul, Márcio Yule, afirma que os brigadistas do Rio de Janeiro, Rondonia e Brasília já estão em fase de deslocamento. “Estão vindo por via terrestre, com caminhonetes e equipamentos e vão permanecer o período necessário para combater os focos de incêndios”, disse. A previsão é que os brigadistas cheguem a Corumbá até quarta-feira (26).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias