ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  04    CAMPO GRANDE 21º

Meio Ambiente

PMA autua proprietário rural em R$ 15 mil por construção de represa ilegalmente

Por Viviane Oliveira | 31/05/2011 18:50
O pecuarista construiu um dique sem autorização. (Foto: Divulgação)
O pecuarista construiu um dique sem autorização. (Foto: Divulgação)
O dique foi construído sem autorização.
O dique foi construído sem autorização.

A PMA (Polícia Militar Ambiental) autuou hoje pela manhã (31) um pecuarista em R$ 15 mil por construção de represa de quase três quilômetros na região do Carandazal em Corumbá, 419 quilômetros em Campo Grande.

O pecuarista construiu um dique sem autorização, que é um aterro de argila e areia para uma barragem com 2,9 quilômetros de extensão por um metro de altura e 1,5 metros de largura, que foi construída sem autorização comercial.

O fazendeiro vai responder por crime ambiental de funcionar atividade potencialmente poluidora sem autorização ambiental. Se condenado poderá pegar de três meses a um ano de detenção.