A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

16/08/2018 15:02

PMA fecha posto de combustível sem licença ambiental na rodovia MS276

Multa por crime ambiental pode chegar a R$ 10 milhões. Proprietário do estabelecimento reside no interior de São Paulo

Gabriel Neris
Fiscais da PMA lacraram bombas de posto de combustíveis após vistoria (Foto: PMA/Divulgação)Fiscais da PMA lacraram bombas de posto de combustíveis após vistoria (Foto: PMA/Divulgação)

Um posto de combustíveis localizado na MS-276, em Nova Alvorada do Sul – a 120 km de Campo Grande – foi autuado e teve as atividades interrompidas nesta quinta-feira (16) por funcionar sem licença ambiental.

De acordo com a PMA (Polícia Militar Ambiental) de Batayporã, as bombas foram lacradas e o proprietário do estabelecimento notificado a apresentar um projeto para tentar a regularização.

O proprietário do posto reside em Junqueirópolis (SP) e, segundo a PMA, responderá por crime ambiental de funcionar atividade poluidora sem autorização ambiental. A pena prevê de três a seis meses de detenção.

Após as apurações no processo administrativo aberto pelo Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), a empresa poderá ser multada entre R$ 5 mil a R$ 10 milhões.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions