A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

24/07/2018 08:32

Usina alega que agiu de imediato e apura causas de incêndio

A unidade reitera que não realiza a prática de queima de canavial desde o início das operações, em 2009

Aline dos Santos
Incêndio aconteceu na noite de sexta-feira, dia 20. (Foto: Direto das Ruas)Incêndio aconteceu na noite de sexta-feira, dia 20. (Foto: Direto das Ruas)

O incêndio que atingiu o canavial da usina Santa Luzia, em Nova Alvorada do Sul, terá as causas apuradas e a empresa agiu de imediato para combate ao fogo. As informações foram repassadas pela assessoria de imprensa da usina, integrante da Atvos, que até 2017 era a Odebrecht Agroindustrial.

Conforme a unidade, na última sexta-feira (dia 20), foram identificados dois focos simultâneos de incêndios em suas fazendas, distantes apenas um quilômetro do outro, sem atividade de colheita ou plantio no local.

Produtor rural vizinho ao canavial relatou à reportagem que a equipe da usina foi acionada, mas demorou a iniciar o combate. Conforme a assessoria de imprensa, a equipe de brigada de incêndio da unidade se deslocou de imediato para o combate às chamas e acionou o Pame (Plano de Auxílio Mútuo de Emergência), por meio do bombeiro.

“Na ocasião, foram deslocados para o local cerca de 50 brigadistas, nove caminhões bombeiros e uma estrutura completa de apoio. A Unidade reitera que não realiza a prática de queima de canavial desde o início das operações, em 2009 e que as causas deste incidente estão sendo apuradas”, informa anota enviada ao Campo Grande News.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions