A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

04/11/2014 10:40

Londres Machado diz que seguirá o PT e PR pode ficar na oposição

Edivaldo Bitencourt e Leonardo Rocha
Londres junto com os deputados do PR, Paulo Corrêa e Antônio Carlos Arroyo. Ele afirmou que vai seguir conversas com o PT (Foto: Giuliano Lopes/ALMS)Londres junto com os deputados do PR, Paulo Corrêa e Antônio Carlos Arroyo. Ele afirmou que vai seguir conversas com o PT (Foto: Giuliano Lopes/ALMS)

O presidente regional do PR, deputado estadual Londres Machado, afirmou, na manhã de hoje, que o seu partido acompanhará o PT e poderá ficar na oposição ao governador eleito, Reinaldo Azambuja (PSDB). Ele destacou que a postura dos dois deputados da sigla (Paulo Corrêa e Grazielle Machado) vai ser definida em conversa com os petistas.

Machado deixará o cargo de deputado estadual após 10 mandatos consecutivos. Nesta eleição, ele disputou o cargo de vice-governador na chapa de Delcídio do Amaral (PT), que disputou o segundo turno com o tucano.

“O povo disse para a gente ficar na oposição”, destacou o deputado. “Nós temos alguns pontos em comum e as conversas continuam com o PT”, ressaltou Londres.

Ele contou que repassou a carreira política para a filha, a vereadora Grazielle Machado, eleita deputada estadual neste ano. Ele disse que vai seguir nos bastidores e como presidente regional do PR. “Vamos continuar até quando o partido achar necessário”, avisou.

Londres avaliou que é possível o PR lançar candidato próprio à sucessão de Gilmar Olarte (PP) em 2016. No entanto, os nomes e a decisão vão depender da conjuntura. “Isso depende de muita conversa, mas ainda está cedo”, disse.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions