A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

15/09/2014 15:39

A pantaneiros, Nelsinho promete hospital e asfalto

Ludyney Moura
Nelsinho prometeu construir um Hospital Regional para atender a população de Corumbá e Ladário (Foto: Divulgação/Mazão Ramires)Nelsinho prometeu construir um Hospital Regional para atender a população de Corumbá e Ladário (Foto: Divulgação/Mazão Ramires)

O candidato do PMDB para suceder a maior liderança da sigla no Governo de Mato Grosso do Sul, Nelsinho Trad, cumpriu agenda de campanha nos municípios de Corumbá e Ladário, e prometeu aos moradores da região do Pantanal a construção de um Hospital Regional e o asfaltamento de vias urbanas.

"O governador André Puccinelli vai iniciar ainda em seu governo a construção dos hospitais de Dourados e de Três Lagoas. Em minha gestão eu vou concluir estes dois e ainda iniciar e concluir o hospital regional de Corumbá, além de equipar a todos eles", prometeu o candidato.

O peemedebista também prometeu construir um centro de exame junto ao Hospital Regional, e mais uma central de distribuição de medicamentos. “Este é o tripé que sustenta um tratamento adequado. O médico tendo todas as condições de trabalhar, a prescrição dos exames e a consequente realização destes exames e também distribuição do medicamento necessário para completar o tratamento", destacou Nelsinho, revelando que já possui os projetos dos centros de exame, com a planta e o custo da obra definidos.

Ainda durante a agenda pública, o candidato se comprometeu com os pantaneiros a executar, caso eleito, o que chamou de “grande programa de infraestrutura” nos 79 municípios sul-mato-grossenses. Um pacote que inclui o asfaltamento de vias urbanas em todo o Estado.

"A falta de asfalto traz inúmeros transtornos. A poeira, nos tempos de seca, contribui para causar problemas respiratórios e na época das chuvas é a lama que prejudica a vida das pessoas. Para mudar isso, basta querer, ter vontade política para fazer acontecer", finalizou Nelsinho.

 

Ainda tem o que entregar sobre Michel Temer em delação, diz Funaro
O corretor de valores Lúcio Bolonha Funaro, preso na Papuda, em Brasília, disse nesta quarta (16) que "ainda tem" o que entregar sobre o presidente M...
Sem consenso, Câmara adia votação da reforma política
Sem consenso e diante de muita polêmica, o plenário da Câmara dos Deputados adiou na noite desta quarta-feira (16) a votação do texto-base de parte d...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions