A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

25/08/2015 15:43

Aliados de Bernal choram com retorno e planejam festa em aeroporto

Ricardo Campos Jr. e Leonardo Rocha
População se emociona com retorno de Bernal à prefeitura (Foto: Vanessa Tamires)População se emociona com retorno de Bernal à prefeitura (Foto: Vanessa Tamires)
Mulher chora após Justiça determinar retorno de Bernal (Foto: Vanessa Tamires)Mulher chora após Justiça determinar retorno de Bernal (Foto: Vanessa Tamires)

Decisão que reconduziu Alcides Bernal (PP) à Prefeitura de Campo Grande foi motivo de festa para cerca de 100 pessoas que acompanhavam o julgamento no auditório da 1ª Câmara Cível, nesta terça-feira (25). O público tentou aplaudir o resultado, mas foi contido devido às regras do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) e deixou a comemoração para os corredores do prédio, entre gritos de alegria e lágrimas de emoção. À noite, vão fazer festa para recepcionar Bernal no Aeroporto Internacional de Campo Grande.

A audiência também foi acompanhada pelos vereadores da oposição Paulo Pedra (PDT), Cazuza (PP), José Chadid (sem partido) e Luíza Ribeiro (PPS); pelo ex-secretário de administração Ricardo Ballock e pela ex-presidente da Agereg (Agência Municipal de Regulação dos Serviços Público) Ritva Vieira.

Luíza Ribeiro organiza uma recepção para Bernal, que está em Brasília e retorna às 20h30 para Campo Grande. Ela também vai sugerir a realização de uma posse simbólica do prefeito no desfile de amanhã.

Alegria - O líder comunitário Elzio Moreira, 52 anos, considera a decisão um “presente de aniversário para a população da Capital”, pois estava descontente com a política de Olarte. “Amanhã, todos vão poder comemorar a volta de Bernal”, afirma.

“Essa decisão demorou bastante, deveria ter saído antes. Espero que Bernal consiga resolver os problemas da cidade, que são muitos, e não tenho dúvida que será um mandato transparente. Hoje a população está mais antenada nas coisas que acontece. Antes, os vereadores tomavam as decisões e ninguém ligava”, opina o músico Américo Yule.

A servidora pública Maria Diva da Silva, 43 anos, considera bem vinda a decisão. “Cassar o Bernal foi irregular e injusto por parte dos vereadores. Bernal e a população sofreram”, afirma.

O mesmo diz o servidor Luiz Carlos Timóteo, 43 anos. “Fiquei emocionado com a decisão. Ela valoriza as 270 mil pessoas que votaram no prefeito. Ele foi o escolhido pela população. Acredito que a decisão tenha sofrido influência dos acontecimentos desta manhã, como o afastamento de Gilmar Olarte e do presidente da Câmara, Mário César (PMDB)”, pontua.

Eleitores de Bernal fazem festa no Tribunal de Justiça (Foto: Vanessa Tamires)Eleitores de Bernal fazem festa no Tribunal de Justiça (Foto: Vanessa Tamires)


Felizes porque vão voltar a ganhar os altos salários na prefeitura, e essa Luiza Ribeiro não aguentava mais ver o marido desempregado depois que o bernal foi cassado.

Felicidades pra uns e tristeza pra outros, e com isso, quem perde é a cidade.
 
wild em 25/08/2015 17:51:13
Trocou Seis por meia Dúzia!!! Mais esta valendo... Que o Bernal de um Limpa nos fantasmas do Servo.
 
Clebe PL em 25/08/2015 16:36:52
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions