A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

26/08/2009 09:14

André diz que União cortou R$ 80 mi para casas em MS

Redação

O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), disse esta manhã, durante desfile cívico,em Campo Grande, que a União cortou R$ 80 milhões de emendas parlamentares para construção de casas populares no Estado.

Ele considerou o contingenciamento "normal" e, além da obra da Sul-Fronteira, que terá apenas 26% dos recursos previstos, citou que a pavimentação da BR-359 também foi atingida.

A obra compreendia o trecho de Coxim até a divisa com Goiás, mas por enquanto só está garantido R$ 1 milhão, suficiente para pavimentar o trecho de Coxim e Alcinópolis, que já tem 20 quilômetros prontos.

André considerou os cortes "normais" e disse que espera até o fim do ano negociar o descontingenciamento de emendas.

Otimista, reforçou que aposta em um ano de grandes obras e voltou a falar em uma "obra emblemática" para Campo Grande, que será lançada novembro e outubro dentro do pacote de desenvolvimento. André manteve o mistério sobre a obra e limitou-se a dizer que vai custar entre R$ 50 milhões e R$ 100 milhões.

As emendas da bancada federal do Estado tiveram corte de R$ 236,7 milhões. Dos R$ 430,5 milhões previstos, o governo federal só vai liberar R$ 193,8 milhões.

Voo - As declarações do governador foram ao fim do desfile de 26 de Agosot. Puccinelli e o prefeito Nelsinho Trad encerraram a comemoração ensaiando um voo em caça da aeronáutica. Os dois entraram na aeronave, experimentaram os comandos, mas desceram sem o sobrevoo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions