A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

22/11/2012 17:54

André lamenta morte de dono de jornal, executado em Campo Grande

Fabiano Arruda e Luciana Brazil
“Ceifar vidas humanas não é de se louvar”, declarou o governador em entrevista nesta quinta. (Foto: Simão Nogueira)“Ceifar vidas humanas não é de se louvar”, declarou o governador em entrevista nesta quinta. (Foto: Simão Nogueira)

O governador André Puccinelli (PMDB) lamentou, nesta quinta-feira, a morte do dono do jornal UH News e policial militar aposentado Eduardo Carvalho, 51 anos, executado em frente de casa, no bairro Giocondo Orsi, em Campo Grande, ontem (21) à noite.

Puccinelli disse que ouviu, hoje pela manhã, “louvarem” a morte de Carvalho, dono de um site conhecido por reportagens polêmicas e de denúncia.

“Ceifar vidas humanas não é de se louvar”, comentou, afirmando que teve apenas dois contatos com a vítima.

Alegando receber ameaças, o dono do jornal tinha recebido há um ano, da Polícia Militar, um colete a prova de balas, mas não usava na hora do crime.

Eduardo Carvalho já havia sofrido um atentado há dois anos. “Ele era uma pessoa polêmica, que fazia denúncias no site dele”, comentou hoje o delegado Divino Furtado Mendonça.

Na Polícia, há registros de Eduardo como vítima e também como autor de calúnia e difamação. O caso será investigado pelo 3º Distrito Policial, que corresponde a área do crime, ou pela Delegacia de Homicídios.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions