A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

14/12/2012 12:34

André vai ao DF na terça acompanhar votação do veto dos royalties

Fabiano Arruda e Carlos Martins
André vai ao DF na terça acompanhar votação do veto dos royalties

O governador André Puccinelli (PMDB) afirmou, nesta sexta-feira, que vai à Brasília (DF) na próxima terça-feira (18) acompanhar a votação, no Congresso Nacional, do veto da presidente Dilma Rousseff (PT) ao projeto, aprovado pela Câmara Federal, que dá nova partilha dos royalties do pré-sal a estados e municípios.

Puccinelli mostrou confiança em reverter a situação e disse que estará lá para “acompanhar a derrubada do veto”. Caso isto ocorra, passa a vigorar o texto aprovado pela Câmara, que daria R$ 150 milhões a Mato Grosso do Sul no ano que vem, dez vez mais que a atual legislação prevê.

O chefe do Executivo Estadual, que falou sobre o assunto enquanto participava de entrega de patrulhas mecanizadas nesta manhã em Campo Grande, ainda comentou que dois mandados de segurança, impetrados por parlamentares do Rio de Janeiro, questionam, no STF (Supremo Tribunal Federal), a análise do veto em regime de urgência.

André defende a lisura da tramitação da matéria e destacou a “experiência” do presidente do Senado, José Sarney (PMDB), que teria designado a deputada federal e primeira vice-presidente da Mesa do Congresso, Rose de Freitas, do PMDB do Espírito Santo, um dos estados produtores do petróleo e contrários à matéria aprovada pela Câmara, para presidir a sessão.

Nesta semana, após muita polêmica no Congresso, parlamentares aprovaram que o veto seja analisado em regime de urgência na terça em sessão conjunta entre a Câmara e o Senado.

Ontem (13), da Rússia, a presidente Dilma declarou que "não tem mais o que fazer" para impedir que o Congresso derrube seu veto às mudanças na divisão dos royalties. Segundo ela, a Casa tem autonomia na decisão.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions