A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017

28/04/2016 20:55

Ao anunciar pré-candidatura, Rose diz estar preparada e ser ficha limpa

Vice-governadora foi escolhida pelo PSDB para concorrer à prefeitura da Capital em outubro

Nyelder Rodrigues e Michel Faustino
Rose Modesto conta com o apoio da militância para conseguir ser eleita e implantar o plano de governo previsto para a prefeitura (Foto: Alcides Neto)Rose Modesto conta com o apoio da militância para conseguir ser eleita e implantar o plano de governo previsto para a prefeitura (Foto: Alcides Neto)

Vinte anos de militância e participação política em Campo Grande, passando por cargos como o de vereadora e secretária de Estado. Esses são alguns dos predicados que Rose Modesto (PSDB) acredita ter para ocupar o cargo de prefeita da Capital a partir de 2017. Ela foi oficializada como pré-candidata tucana em evento realizado esta noite, no diretório estadual do partido.

"Nesse momento, eu me sinto extremamente motivada e com vontade de caminhar essa cidade, onde eu comecei há 20 anos. Eu tenho 38, e com 18 eu comecei a participar dos projetos políticos, andando os bairros, batendo palma casa por casa para apresentar projetos, dizendo à população que é possível mudar e a política é o melhor instrumento para isso se tiver na mão de pessoas de bem", discursa Rose.

Ex-vereadora e ex-chefe da Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho), Rose Modesto foi eleita à Câmara Municipal com mais de 7 mil votos em 2008, sendo reeleita em 2012 como a segunda candidata mais votada, com aproximadamente 11 mil votos.

Em 2015, ela assumiu o cargo de secretária de Estado, à convite do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), após compor a chapa do mesmo nas eleições estaduais e federais como vice de Reinaldo. Na época, ela ainda estava no mandato de vereadora.

"Hoje eu me sinto extremamente preparada, pois durante esses 20 anos eu nunca respondi um processo, nunca fui acusada por nenhum crime. Estou com meu nome limpo e bem motivada para trabalhar. Entendendo que, se tiver o apoio de toda militância, vamos apresentar de fato uma nova política, um novo tempo e nova forma de olhar para as pessoas, como a gente já tem feito no Governo do Estado", diz Rose.

Rose foi oficializada pré-candidata do PSDB à prefeitura de Campo Grande nesta noite (Foto: Alcides Neto)Rose foi oficializada pré-candidata do PSDB à prefeitura de Campo Grande nesta noite (Foto: Alcides Neto)

Batalha e mudança - A pré-candidata tucana também comentou durante o evento saber que a campanha será uma batalha dura, mas que sua equipe está "pronta para a guerra". Além disso, ela falou sobre o atual momento social do Brasil e de Campo Grande, que necessita de mudança.

"Vivemos um momento muito difícil. O cenário nacional é um dos piores dos últimos anos com a crise política, econômica e ética, o povo brasileiro desanimado, com medo e sem esperança. Não é diferente em Campo Grande e talvez a situação seja pior. Aqui tivemos a tristeza de ter uma má gestão e por isso precisamos de mudanças aqui", enfatiza a peessedebista.

De acordo com Rose, a referida mudança chegou ao Governo do Estado com a gestão de Reinaldo e ela precisa chegar à Capital também. "Essa mudança não é só de discurso. É uma mudança de verdade e isso é possível", frisa, acrescentando as prioridades de um possível governo municipal.

"Eu quero começar a dar prioridade para uma coisa que no Estado inteiro 70% da população pediu, que são as melhorias na saúde. O Mato Grosso do Sul tem dado exemplo que é possível fazer mais com menos. Na Sedhast, também conseguimos dobrar o atendimento do Vale Universidade", explana a tucana

Ela também relembra o início da caminhada na política. "Entrei na universidade, iniciei os debates políticos, me formei na área da educação e continuei depois com o grupo debatendo, fazendo política, política sindical, levando o nome de pessoas que poderiam nos representar".

Governador elogiou a escolha do partido e ainda afirmou que Rose tem os predicados para assumir o posto pretendido (Foto: Alcides Neto)Governador elogiou a escolha do partido e ainda afirmou que Rose tem os predicados para assumir o posto pretendido (Foto: Alcides Neto)

Chancela - A escolha de Rose teve a chancela do governador Reinaldo Azambuja, que afirma ver nela todas as qualidades necessárias para a execução de um bom mandato. "Ela tem planejamento, é uma pessoa ficha limpa e conhece os problema da Capital. Vai saber montar uma equipe de trabalho para atacar esses problemas e não tenham dúvida que vamos para a campanha com todo o partido unido".

O governador ainda indicou que o projeto para Campo Grande não é só de Rose Modesto, mas algo em prol da cidade, e não descarta a coligação com outros partidos. Porém, o assunto precisa ser melhor estudado, como uma possível aliança com Alcides Bernal (PP). "Todos tem espaço se quiserem somar", diz Reinaldo. Rose segue o mesmo pensamento, dizendo que pretende junto à equipe escolhida pensar a cidade a longo prazo.

"Nós vamos pensar a cidade para quatro, para oito, 10, 20, 30 anos. Não para eu estar lá, mas para pensar nessa cidade para frente, mais moderna, uma cidade onde nós tenhamos a honra de dizer 'aqui é o melhor lugar para se viver'. Não podemos mais esperar, o momento é agora. Se nós, pessoa de bem, não encararmos essa missão, vamos deixar nas mãos dos bandidos", declara a pré-candidata.

Rose ainda se disse saber o tamanho da responsabilidade assumida ao ser indicada pelo PSDB. "Agradeço a confiança do partido, do governador. Não é fácil para um partido como o nosso, que acredita na boa política, na ética, na democracia, ungir alguém e falar 'é você que é o escolhido'. Me sinto extremamente honrada e sei do tamanho da minha responsabilidade a partir de agora", completa.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions