A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

29/06/2011 12:54

Assembleia aprova aumento de repasses do governo para Cassems

Ítalo Milhomem

Os deputados aprovaram o projeto que altera a legislação atual, concedendo reajuste de 0,5% para os repasses do governo do Estado para a Cassems (Caixa de Assistência aos Servidores de MS). O aumento significa R$ 820 mil mensais a mais na conta do plano de saúde.

O projeto foi apreciado em primeira votação e posteriormente em segunda votação em uma sessão extraordinária realizada também nesta quarta-feira (29). Agora o projeto segue para sanção do governador.

Reajuste- O deputado Lauro Davi (PSB), explicou que foi fechado um acordo entre a Cassems, os sindicatos dos servidores e o governo, em que o Estado se comprometeu a ampliar os repasses até atingir o patamar de 4,5%.

O acordo definiu o aumento dos repasses será dada de forma gradativa, sendo 0,25% a cada quadrimestre, e vai depender do recebimento de créditos de tributos que o Estado tem junto à Petrobras. O valor a receber é estimado em R$ 100 milhões. A negociação para o recebimento, conforme o deputado, está a cargo da bancada federal.

O plano atende mais de 160 mil pessoas, entre servidores, aposentados e pensionistas e seus dependentes. As receitas da Cassems são baseadas nos repasses do governo, que estão fixados em 3% e aos 5% que são descontados diretamente dos vencimentos dos servidores.



A Saúde Publica implora por mais recursos.O sistema está sobrecarregado e sub financiado. Que tal se organizar para cumprir a Emenda Constitucional 29 , cuja votação é iminente?
 
Luiz henrique Mandetta em 29/06/2011 06:35:01
Que legal o aumento, agora poderia o beneficiário ser mais bem atendido, e parar de pagar esse fator participativo, porque um beneficiário que ganha R$ 800,00, teve de desembolçar para a cassems R$ 3.600,00, pensa bem como isso e mt. injustiça a família que teve que dar seus pulos inclusive ate mesmo parcelando o valor em 10 vezes.Isso teria que acabar, se pagamos um plano de saúde na hora que precisa tem que pagar por ele também.
 
ILDA FLORENCIO DA SILVA THEODORO em 29/06/2011 06:16:25
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions