A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

02/06/2008 06:17

Atuação dos deputados tem aprovação de 58% dos eleitores

Redação

Pesquisa de opinião do Ipems (Instituto de Pesquisas de Mato Grosso do Sul Ltda) em parceria com o Campo Grande News e a Rádio Capital FM, sobre o trabalho da Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul aponta que, em Campo Grande, as ações dos deputados estaduais receberam a aprovação de 58,33% dos eleitores consultados, somatório dos 54,73% que consideram a atuação boa e 3,60% que avaliaram como ótima.

O percentual de desaprovação, conforme os dados levantados, é de 11,40%, que é a soma dos 5,93% que analisaram como ruim o trabalho do Legislativo Estadual e 5,47% que consideraram que é péssimo.

Os que disseram que a Assembléia é apenas regular são 30,27% dos entrevistados, conforme a pesquisa. Desses, 23,60% disseram que, mesmo achando a atuação apenas regular, a aprovam. E outros 6,67% que fizeram essa avaliação reprovam o que os parlamentares estaduais vem fazendo.

Trabalho ignorado - A consulta teve resposta negativa da maior parte dos eleitores quando foi perguntado se eles se lembravam de alguma medida da Assembléia que tenha sido benéfica para Campo Grande.

Chegou a 73,47% o número dos que disseram não se recordar, enquanto 18,73% disseram não saber ou não querer responder e apenas 7,80% disseram que sim, se lembram de algo positivo que os deputados estaduais fizeram por Campo Grande.

Convidados a citar que tipo de medida, novamente foi demonstrado desconhecimento por parte dos eleitores, uma vez que 28,23% dos que disseram sim à pergunta não souberam ou não quiseram responder.

Entre os que se lembraram de alguma medida positiva da Assembléia Legislativa, 13,21% falaram de pavimentação, 8,49% lembraram a redução da tarifa de energia e 7,55% falaram da CPI da Enersul, os três mais citados pelos eleitores.

Foi feita também a pergunta se os eleitores sabem quem é o presidente da Assembléia Legislativa e 64,60% disseram não saber, contra 24,4% disseram que sabiam e 11% que não souberam ou não quiseram responder.

Entre os que sabiam, 79,02% acertaram o nome do presidente da Casa, Jerson Domingos. Os 20,98% restantes disseram nomes de outros deputados e até de vereadores ou não souberam ou não quiseram responder.

Se a pergunta é qual deputado é mais atuante em Campo Grande, nova decepção para os parlamentares: 76,67% dos eleitores disseram não saber ou não quiseram responder. Os outros eleitores se dividiram entre os deputados, com citações que não ultrapassaram a 6,6%, e chegaram a falar em vereadores e até políticos sem mandato como os mais atuantes no Legislativo para Campo Grande.

A pesquisa foi feita entre os dias 21 e 27 de maio, com 1,5 il eleitores e está registrada sob o número 178/2008 na Justiça Eleitoral.

Reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, diz Meirelles
A reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, de acordo com o ministro da Fazenda Henrique Meirelles. A declaração foi dada na noite de...
Quanto mais reforma demorar, mais dura será correção, diz ministro
Caso o governo não consiga aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, conseguirá em 2018, disse hoje (11) o ministro do Planejamento, Dyogo Oli...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions