A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Agosto de 2017

02/07/2014 14:02

Audiência tem promessa de ambulância e presença de 12 vereadores

Kleber Clajus
Comunidade ouviu de representantes da Prefeitura que o Ceinf está em andamento e a saúde será reforçada (Foto: Izaias Medeiros/CMCG/Arquivo)Comunidade ouviu de representantes da Prefeitura que o Ceinf está em andamento e a saúde será reforçada (Foto: Izaias Medeiros/CMCG/Arquivo)

Doze de 29 vereadores participaram de audiência pública, nesta quarta-feira (2), no Distrito de Anhandui, distante 60 quilômetros de Campo Grande. Na ocasião, uma ambulância foi prometida pelo secretário de Saúde, Jamal Salem, ante negativas de representantes da Prefeitura para asfalto e construção de casas por falta de recurso.

Em março do ano passado, a comunidade do distrito reivindicou em sessão comunitária reforma e ampliação da escola municipal e estadual, construção de Ceinf (Centro de Educação Infantil), 164 casas populares, reforço no atendimento de saúde com médico 24 horas, de segurança, geração de empregos com indústrias locais e infraestrutura de acesso a comunidade.

Nesta quarta-feira, a comunidade ouviu de representantes da Prefeitura que o Ceinf está em andamento e a saúde será reforçada com uma ambulância proveniente de convênio da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo) e da Planurb (Instituto Municipal de Planejamento Urbano) com uma empresa privada, que também beneficiará os moradores de Rochedinho com outro veículo similar.

O secretário de Obras, Semy Ferraz, disse ainda não haver recurso para pavimentar o distrito e a diretora-presidente da Emha (Agência Municipal de Habitação), Marta Martinez, que será necessário estruturar orçamento para a construção de unidades habitacionais.

Para o presidente da Casa de Leis, Mario Cesar (PMDB), ao encerrar o ciclo de nove audiência públicas a certeza que se tem é de que o modelo de trabalho deu certo. Ele também ressaltou que está em análise como serão realizados os novos encontros com a comunidade após recesso parlamentar.

“Vamos analisar se manteremos as sessões comunitárias ou audiências públicas. Nosso interesse, no entanto, é manter os deslocamentos até as regiões”, explicou Mario.

Além do presidente da Câmara Municipal, estiveram presentes na audiência os vereadores Loester Nunes (PMDB), Carla Stephanini (PMDB), Chiquinho Telles (PSD), Waldecy Chocolate (PP), Paulo Pedra (PDT), Vanderlei Cabeludo (PMDB), Eduardo Romero (PT do B), Thaís Helena (PT), Zeca (PT), Luiza Ribeiro (PPS) e Carlos Augusto Borges, o Carlão (PSB).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions