A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

13/12/2012 12:23

Bernal pagou quase meio milhão de forma irregular a cabos eleitorais

É o que aponta decisão da Justiça Eleitoral, que reprovou prestação de contas do prefeito eleito

Fabiano Arruda
Justiça aponta que Bernal movimentou R$ 1 milhão de forma irregular. (Foto: Helton Verão)Justiça aponta que Bernal movimentou R$ 1 milhão de forma irregular. (Foto: Helton Verão)

A Justiça Eleitoral de Campo Grande constatou irregularidades no pagamento de cabos eleitorais na campanha do prefeito eleito, Alcides Bernal (PP), no valor de R$ 420,2 mil.

Este é um dos motivos elencados pela juíza Eliane de Freitas Lima Vicente na reprovação das contas de campanhas apresentadas pelo progressista.

A decisão aponta que foram realizados pagamentos individuais em dinheiro que extrapolam o limite de R$ 300 que, pela legislação, só podem ser feitos por meio de cheque nominal ou transferência bancária.

Na argumentação feita pelo MPE (Ministério Público Eleitoral) e endossada pela juíza são listadas irregularidades no pagamento de mais de 300 nomes em valores que chegam até a R$ 4 mil.

Diante da situação, a magistrada revela ainda que há "grave irregularidade no fato de o candidato emitir um único cheque para o pagamento de diversas despesas".

Entre as justificativas anexadas por Bernal no processo está a quantidade de pessoas a serem pagas e a greve bancária que durou nove dias no mês de setembro, informações rebatidas pela magistrada.

Além disso, a juíza também afirma que o progressista não sanou outra inconsistência: “pagamento de despesas de serviços eleitorais sem a apresentação das respectivas notas fiscais, totalizando R$ 590 mil”.

Com a soma dos montantes, a decisão diz que R$ 1 milhão na campanha de Bernal foi “movimentado em desconformidade com a legislação eleitoral”, ou seja, 60,7% do total de despesas (R$ 1,9 milhão) não teve a “necessária explicação”.

Bernal ainda foi intimado a apresentar notas fiscais referentes a pagamentos realizados a fornecedores e corrigir 87 CPFs de fornecedores por conta de divergências detectadas nos dados constantes nas informações da base de dados da Receita Federal.

O progressista apresentou argumentos, que constam na decisão, em que informou ter solicitado à correção dos CPFs; afirmou que o extrapolamento de pagamentos a fornecedores, citados pela Justiça, “não se trata de despesas efetuadas com fundo de caixa”. Os itens foram todos rebatidos pela juíza.

A assessoria jurídica de Bernal diz que recorreu da decisão. Em nota, ele negou irregularidades e garantiu que a prestação de contas de sua campanha foi entregue dentro do prazo e de acordo com a legislação.

“Espero que uma mera formalidade não acabe se transformando em um julgamento político”, destacou Bernal, na nota, acrescentando estar confiante que o problema será resolvido e que “a vontade dos mais de 270 mil eleitores campo-grandenses prevalecerá”.

O diretório do PMDB em Campo Grande já prepara uma ação para pedir a cassação do mandato do prefeito eleito por conta do caso.



É ESSE O PREFEITO QUE O POVO PRECISA. ANTES DE VOTAR PORQUE NÃO ANALISARAM SUA CARREIRA PREGRESSA. ESTAVAM TUDO NAS REDES SOCIAIS.
TEM QUE SER CASSADO MESMO. SE COMEÇA DESONESTO, COMO ACHAM QUE ISSO TERMINA.

ESPERO SINCERAMENTE QUE A JUSTIÇA FAÇA SUA PARTE. VAMOS MORALISAR NOSSO PAÍS.
 
JUAREZ SOUZA em 15/12/2012 16:15:27
Justiça eleitoral, por favor apure e, faça-se a justiça com os rigores da lei que a população do bem de Campo Grande tanto espera e merece.....
 
JEFFERSON MATTOS em 14/12/2012 14:46:39
Eu votei no Bernal porque achei ele um homem que demostrava integridade, ser honesto, e que não ague com malandragem, porem se ele fez algo de errado tem que pagar com a cassação do seu mandato


"Espero que uma mera formalidade não acabe se transformando em um julgamento político”

Isso Bernal estamos cansado de ver políticos dando "jeitinhos" com formalidades e depois roubando muito da população
 
Samuel Silva em 14/12/2012 08:29:08
Todos políticos não são perfeitos, eu confio no Bernal, e tenho certeza que Ele sim fará mais por nós que somos a maioria e que realmente somos prejudicados e precisamos de alguém como nós pra trazer melhorias. E Ele sabe o que está errado e fará o que precisa ser feito. ACREDITO EM VC BERNAL.
 
Andreia Viega em 14/12/2012 07:51:14
Toma essa população! Ninguém mandou votar nele
 
Isaac Pancini Cacho em 14/12/2012 07:48:11
MEU DEUS!!!!!!E AGORA BERNAL?? BOM VAMOS FAZER O SEGUINTE, DEIXA O HOMEM ASSUMIR, SE É QUE A JUSTIÇA O DEIXARÁ, MAS SE ASSUMIR E ELE COMEÇAR A BANALIZAR O POVO DE NOSSA LINDA CAPITAL, VAMOS AS RUAS DE CARAS PINTADAS COMO FOI FEITO COM O COLLOR,impitimam NELE SE DO.
MAS SE REALMENTE O TRE. FOR SÉRIO COM ACREDITMOS DE SEJA,,,ELE NÃO ASSUMIRÁ A TÃO ESPERADA CADEIRA DE PREDEITO...UFA......SERÁ?
 
filadelfio terencio em 14/12/2012 07:35:54
EU espero que toneladas de proganda feitas pela justiça eleitoral sobre ficha limpa, voto limpo e tantos bla, bla, blas sejam cumpridas, que não fiquem só na promessa.Afinal a justiça tem que ser feita.Caso comprovem que seja caçado então, caso contrário vamos trabalhar para pagar por mais esse absurdo.E ficara comprovado de que a justiça não funciona.
 
Angelita Dantas em 13/12/2012 20:25:46
eu faço parte desses 270 mil, portanto, respeitem meu voto. Isso é armação do pmdb. Alias, não sabem perder com dignidade. Vcs votaram no governador e eu não queria,e tenho que aguentá-lo por 8 anos, agoram vcs respeitem meu voto, e suportem tb! Seja imparcial e publiquem minha opinião pois só vejo opinião da chapa branca,cupinchas e comissionados!
 
ludio prestes em 13/12/2012 19:02:29
que raiva, como pude votar neste homem, se arrpendimento matasse eu ja tinha morrido.

o que nos fizemos!!!
 
Marcelo Antunes em 13/12/2012 18:46:09
Não deixem o Bernal assumir e ai voces vão ver como a vontade de mais de 270 mil pessoas pode reagir diante a inconformidade e ao desrespeito a democracia, a paciência do povo esta chegando ao limite, seria melhor e mais seguro todos colocarem os pés no chão.
 
Walter Barros em 13/12/2012 18:26:22
Falar o que? Agora Chupa Campo Grande!!! Tá ai o que o povo queria!! Esta era a mudança que o povo tanto queria?? Meu Deus!! E ainda tem mais o vice dele que é da mesma corja!!
 
Marcos Nogueira em 13/12/2012 17:56:22

não da conta de administrar uma campanha quem diz uma capital.........
 
lourival pereira de araujo em 13/12/2012 17:52:07
Como administrar com lisura e clareza? Se sem ter o poder já está aparecendo irregularidades. Como advogado ele está dando a enterder que é facil fazer algo errado e se livrar perante a justiça com simples argumentos. E a população que se dane, pode se revoltar mas nada pode fazer. Essa é a forma como eles veem o lado político. Algo tem que ser feito. Muitos trabalhadores trabalham horas e horas mais doque seria o normal no mes para poder sustentar sua familia, enquanto muitos só querem se dar bem no meio político.
 
Claudio Cunha em 13/12/2012 17:42:47
COMO SE FOSSE NOVIDADE UM POLITICO GASTAR MAIS DO QUE PODE, BERNAL É SÓ MAIS UM QUE VEM POR AI. JA ESTAMOS ACOSTUMADOS A VER ISSO TODOS OS DIAS.
 
ISAIAS ALMEIDA em 13/12/2012 17:41:59
Isso já era de se esperar!!!
E agora, o me dizem os quase 270 mil eleitores de Campo Grande, que votaram neste cidadão???
Meu Deus, onde vamos parar??? Socorro!!!
Sinceramente, como vamos confiar nessa nova administração???
Justiça eleitoral, por favor apure e, faça-se a justiça que a população do bem de Campo Grande tanto espera e merece.
Queremos sim, que sejam apuradas todas e quaisquer irregularidades, doa a quem doer, mercemos uma administração limpa e justa.
Obrigado e, fica aqui a minha adgnação com toda essa sujeira politica.
 
José Luiz Borges em 13/12/2012 16:50:39
esse é o nosso brasil qui vergonha fora bernal
campo grande não é parque de diversão
não brinca com o povo

 
GLEISON DA SILVA em 13/12/2012 16:37:30
Nem tomou posse e já começou...mas ta bom, esses 270 mil merecem.
 
Patrícia Andrade em 13/12/2012 15:45:00
270 mil eleitores não podem ser cúmplices de irregularidades. Mostra tua cara...você não é produto novo não, pelo menos para população esclarecida. Você é novo para aquele que está acostumado com papai noel e saci pererê na politicagem do Brasil...
 
Paulo Bonsini em 13/12/2012 15:10:38
A vontade dos mais de 270 mil eleitores campo-grandenses não prevalece diante de irregularidades durante a campanha. O legislação é clara. Sabendo disso porque não agiu de forma amplamente correta? Não é porque o povo o escolheu que ele pode fazer o que quiser, da forma como quiser. Há que se respeitar a lei. Senão, como confiaremos na administração do Sr. Bernal? Espero que isso seja regularizado, para que ele possa administrar com lisura e clareza.
 
Marco Túlio Schneider em 13/12/2012 14:32:10
Se ele não consegue nem organizar a prestação de conta da sua campanha, imagina como ele vai deixar nossa cidade.

Uma pena tudo isso acontecer, nossa cidade não merecia um prefeito assim.

 
Taiz Siqueira em 13/12/2012 14:23:36
Mas q coisa, um homem íntegro como esse... ¬¬

kkkkkkkkkkkkkk é demais.
 
Bergo de Almeida em 13/12/2012 14:16:57
Tadinho do candidato do tostão kkkkk
 
Ester oliveira em 13/12/2012 13:57:50
Achei que fosse demorar um pouco mais para cair a mascara da campanha do TOSTÃO.
Pelo visto, com a euforia passada, terão que justificar junto ao TRE o que 270.000 eleitores Não Sabiam???
 
Alberto Sanches em 13/12/2012 13:54:08
DAQUI A POUCO NINGUÉM MAIS VAI TOCAR NESTE ASSUNTO E EM BREVE CAIRA NO ESQUECIMENTO. A IMPUNIDADE PREVALECERA JUNTAMENTE COM A VONTADE DOS MAIS DE 270,000 ELEITORES.
 
leonardo Duarte em 13/12/2012 13:21:39
A vontade do povo era eleger um candidato dentro da conformidade com a justiça! Se for verdade, como sera depois que estiver com o poder da maquina na mão.
 
Aires Junior em 13/12/2012 13:09:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions