A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Agosto de 2017

11/07/2016 11:07

Bluma defende mudança na política e administrador com perfil técnico

Ex-vereador é pré-candidato a prefeito em Campo Grande

Leonardo Rocha
Pré-candidato a prefeito, ex-vereador Marcelo Bluma, apresentou suas propostas para Campo Grande (Foto: Alcides Neto)Pré-candidato a prefeito, ex-vereador Marcelo Bluma, apresentou suas propostas para Campo Grande (Foto: Alcides Neto)

O ex-vereador Marcelo Bluma (PV), pré-candidato a prefeito de Campo Grande, disse em visita ao Campo Grande News, nesta segunda-feira (11), que vai defender a bandeira de "mudança na velha política" e a necessidade do município contar com gestor com "perfil técnico", para fazer a cidade voltar a se desenvolver. "Estamos com a máquina destruída, no fundo do poço".

Bluma diz que como engenheiro civil, pode oferecer a cidade este "perfil técnico" necessário para planejar os projetos na área da saúde, educação, segurança e mobilidade urbana. "Estou há 4 quatro sem cargo público, não tenho relação com a gestão estadual e municipal, poderei apontar os erros e colocar o dedo na ferida".

Ele ponderou que o PV não está ligado a nenhum grupo político no Estado e vai ser mais uma alternativa para população. "Vamos ter novamente candidato próprio, levar nossas ideias, percorrendo a cidade, com uma nova forma de fazer política. O município tem muitos problemas a resolver".

Bluma criticou a situação dos serviços públicos municipais e disse que os problemas "são maiores que os buracos", por isso a necessidade de ter um gestor preparado e grupo qualificado. "Não podemos brincar com a cidade, temos que fazer um planejamento a longo prazo, por exemplo, não foi tratada a drenagem, o transporte público está sem inovações, há problema na saúde".

O pré-candidato reclamou da redução do tempo de campanha (45 dias), que diminui debate e favorece os políticos com mandato, além disto pediu que os próprios eleitores façam a fiscalização. "Pode filmar, tirar foto pelo celular quando ver algo ilegal, este será um momento importante para cidade".

O PV deve realizar sua convenção no dia 5 de agosto, tendo uma chapa de 44 candidatos a vereador. O (candidato) vice deve sair da própria legenda. "Conversamos com alguns partidos, mas podemos seguir em chapa pura, espero que a população dê oportunidade a outro engenheiro, assim como foi com Pedro Pedrossian, que foi fundamental para o Estado", disse Bluma.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions