A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017

29/10/2013 14:51

Câmara aprova campanha contra o uso do narguilé em Campo Grande

Zemil Rocha e Kleber Klajus
Campanha vai esclarecer males do narguilé para frear consumo na Capital (Foto: arquivo)Campanha vai esclarecer males do narguilé para frear consumo na Capital (Foto: arquivo)

A Câmara de Campo Grande aprovou nesta terça-feira (29), por unanimidade, o projeto de lei que institui campanha permanente de orientação sobre os malefícios do uso de cachimbo do tipo narguilé no município. A proposta, apresentada pelo vereador Ayrton Araújo (PT), tramitou em regime de urgência.

O foco principal da campanha, direcionada principalmente e jovens e adolescentes, é as escolas públicas e particulares da Capital, através de ações educativas. O parágrafo único do Art. 2º do projeto prevê que os munícipes “serão informados periodicamente, por meio de campanhas educativas, acerca dos danos provocados à saúde pelo hábito de fumar o Narguilé ou Artuile, individual ou coletivamente”.

A regulamentação da lei, caso seja sancionada pelo prefeito Alcides Bernal (PP), deverá ser feita no prazo de 120 dias contados de sua publicação.

Ayrton Araújo justificou seu projeto alegando que a utilização do narguilé já é problema de saúde pública que “vem crescendo a cada ano em nossa cidade”. Segundo ele, estudos apontam “uma hora de uso do produto equivale a tragar 100 cigarros”. Enquanto a proporção de brasileiros que fumam cigarros caiu, esse outro jeito de fumar ganhou muita popularidade nos últimos anos.

Bastante atrativo devido ao aroma doce exalado pelo fumo, o narguilé foi inventado na Índia no século XVII pelo médico Hakim Abul Fath, como um método capaz de retirar impurezas do fumo. Na China, passou a ser utilizado para fumar o ópio. Entre os árabes, o cachimbo de água foi rapidamente incorporado para ser apreciado em grupo.

Para o vereador Paulo Siufi (PMDB), a campanha contra esse tipo de fumo é muito importante. “O Narguilé hoje é usado até nos canteiros da Afonso Pena nos finais de semana e isso causa muita apreensão, especialmente em mim que sou médico por conta dos múltiplos problemas de saúde que pode provocar”, afirmou.

Siufi considera que esse projeto do narguilé é até complementar ao já aprovado pela Câmara Municipal sobre a proibição de fumar em ambientes públicos. “É um programa de orientação para não utilização, mas é preciso também intensa fiscalização”, defendeu.

 

Instituto do Câncer dedica dia contra o uso do narguilé
O Instituto Nacional do Câncer (Inca) dedicará o Dia Nacional de Combate ao Fumo, hoje (29), para intensificar a campanha de combate ao narguilé, ins...
Vereador denúncia uso indiscriminado de narguilé
Moda entre adolescentes, o fumo em rodas de Narguilé foi assunto que dominou boa parte das discussões hoje na Câmara Municipal de Campo Grande.Em tri...
Narguilé entre jovens preocupa a Saúde
Narquilé ou Arguile, o nome pode soar estranho, mas quem ainda não deu um trago já deve ter visto a jarra de vidro, com uma mangueira e uma pipeta na...



E QUANTO AO USO DO SUCO EM PÓ? Mais de 70% do conteúdo do suco é composto por açúcares. Em um porção de 200 ml da bebida chega a conter 20 gramas de açúcar, equivalente a duas colheres de sopa cheias.
Aproximadamente 20% do conteúdo do suco em pó é composto por conservantes e corantes artificiais. Esse índice elevado pode causar reações alérgicas, como a asma brônquica, se a pessoa for alérgica a substancia ácido acetil salicílico.
 
Elisangela Karolina Assunção em 05/11/2013 11:26:39
Sou adepto do arguile e continuarei a usar esse objeto citado pois e uma tradição e isso ninguém pode nos impedir, quando você usa e tem a maior idade você sabe muito bem o que deve ou não fazer. acho uma falta de respeito a todos que usam o arguile como tradição e não uma forma de droga como a maioria acha que é.
 
Bruno Carvalho em 01/11/2013 01:25:53
com lei ou sem lei continuo fumando meu narguile bem tranquilo pois so fumo com fumos e nao com drogas !
 
Bruno martins em 31/10/2013 00:41:45
É sabido que médicos sobrevivem de doenças, falar que está preocupado com isso....é demagogia demais , se faltarem doentes, como irão sobreviver ?? idem o crime, se acabar amanhã ??? existe um sistema que ruirá, muitos irão padecer.
 
arnaldo saracho em 30/10/2013 16:37:11
Alguém disse tudo aí abaixo, eles precisam mesmo é fazer campanha pela MORALIDADE na utilização de recursos públicos, pois estão gastando de forma exagerada e ninguém vê retorno, ou seja, a classe política está onerando demais o bolso do povo. SE LIGA.
 
Juraci Pavão em 30/10/2013 08:48:40
E os ENERGÉTICOS ???? a gurizada está tomando isso feito doido, pior é com cachaça, e o público é muito muito maior que o do narguile que daqui a pouco, como toda febre, e moda, passará, enquanto tererê com coisas.....sei lá .
 
Pedro de Turvo em 30/10/2013 08:09:51
Desonestos, covardes e interesseiros!
Só aceitam o que é LUCRATIVO!
Só pensam no DINHEIRO!
Devem cuidar da VIDA deles! O narguilé nunca prejudicou a nenhum cidadão, além da própria saúde de quem o fuma. E sim prejudica a venda de CIGARRO.
POR INCRÍVEL que pareça NUNCA VI nenhuma campanha feita por vereador contra o CIGARRO!
 
Roberto Sanches em 29/10/2013 22:10:19
Antes de dar a "opniao" formada de voces assistam isso: http://www.youtube.com/watch?v=pFzI1yhNtIQ
 
Ricardo Soares em 29/10/2013 18:40:39
e sem contar que se alguem tragar 100 cigarros morre, cada cigarro tem 10mg de nicotina mais 4500 substancias toxicas. Já uma caixa de fumo para arguile de 50g tem 0.5 de nicotina e a composição é feita de tabaco, melaço, glicerina (gera a fumaça) e a essencia (que da o gosto); FALTA DO QUE FAZER ESSE PROJETO
 
felipe gomes em 29/10/2013 18:14:06
falta do que fazer, pq não se preocupam com a passagem de ônibus cara, asfalto ruim, baixo salário dos professores, policias e bombeiros. Se houvesse realmente um estudo aprofundado sobre o assunto descobririam que o arguile não é tudo isso que falam, vcs são manipulados pela midia. Porque não criam projetos contra o cigarro e bebida alcoólica tbm? Ah é, não tem como bater de frente pois o lucro que eles trazem é gigantesco e seria burrice "proibir".
 
felipe gomes em 29/10/2013 18:07:26
Parabéns a esse vereador, aprovo de todas as maneiras, isso deveria acontecer em nível de Brasil pois essa porcariada só faz mal a saúde e os jovens acham que estão fazendo bonito mas é puramente ridículo.
 
Aldo Hernandes Junior em 29/10/2013 17:02:39
Acredito que o senhor Prefeito vai apoiar essa lei, esse vicio que esta tomando conta de nossos jovens, é uma droga camuflada que pode trazer muitos problemas na saúde de todos, DEVE SER PROIBIDO MESMO.
 
Teresa Moura em 29/10/2013 15:45:39
Muito bom... precisa mesmo, como também precisa ser feito trabalho de concientização política dessa gurizada, falar sobre honestidade, transparência e respeito no trato da coisa pública que não deve ser confundida com privada,
 
arnaldo saracho em 29/10/2013 15:40:05
Isso é ridículo,pois o cigarro está há anos destruindo a vida de milhares de campo-grandenses fumantes e fumantes passivos e ninguém faz lei alguma, pois o LUCRO QUE A MERCADORIA GERA É MAIOR QUE A LEI ! Se é para proibir para o bem à saúdade, proibam TUDO então! Desonestos,covardes e interesseiros! Só aceitam o que é lucrativo!
 
Mylena Silva em 29/10/2013 15:38:33
Faltou mencionar outras "porcarias" que alguns jovens colocam para fumar junto.Eu já ouvi cada coisa.
 
Marcia França em 29/10/2013 15:33:48
Os usuários de substâncias reconhecidamente danosas, como tabaco, álcool e outras (assim como os motoristas, pedestres, ciclistas e pilotos imprudentes ou incapazes) deveriam PAGAR pelo tratamento na rede pública, além de serem atendidos DEPOIS de quem realmente sofreu um acidente ou tem uma doença que NÃO FOI CAUSADA POR SI PRÓPRIO...
 
claudio fernandes em 29/10/2013 15:15:18
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions