A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

26/10/2014 14:40

Candidato a governador é flagrado em boca de urna, segundo TRE

Caroline Maldonado

O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) informou, no início desta tarde, que foram registradas 14 ocorrências de crimes eleitorais em Mato Grosso do Sul até agora. Segundo a assessoria do órgão, uma das ocorrências é referente a flagrante de um dos candidatos à governador fazendo boca de urna.

O TRE garante que um candidato foi flagrado cometendo o crime, mas não informou se foi Reinaldo Azambuja (PSDB) ou Delcídio Amaral (PT). Conforme o tribunal, o candidato foi pego fazendo boca de urna na 8ª zona eleitoral, no Bairro Maria Aparecida Pedrossian.

De acordo com TRE, das outras 13 ocorrências de crime eleitoral, uma é de transporte ilegal de eleitor, ocorrida em Nioaque, a 179 quilômetros de Campo Grande e o restante é de divulgação de propagandas.

O presidente do TRE, João Maria Lós, confirmou a ocorrência envolvendo um candidato, mas disse que não sabe ainda de mais detalhes sobre o caso. Ele apenas garantiu que não houve prisão. Na avaliação do presidente do TRE, as eleições estão tranquilas apesar da disputa acirrada.

O Campo Grande News fez contato com a 8ª zona eleitoral, mas a informação é de que apenas o chefe da zona eleitoral poderia dar detalhes sobre o ocorrido. A assessoria de imprensa do TRE informou apenas que não houve prisão de candidato.

Conforme a assessoria de Reinaldo Azambuja, o candidato foi apenas na sessão onde votou e está aguardando o resultado das eleições em casa.

O advogado de Delcídio do Amaral, Valeriano Fountora, disse que o candidato passou por diversos locais de votação nessa manhã e ressaltou que isso é permitido por lei. “Ele pode entrar em qualquer sessão que não seja a dele para fiscalizar”, disse.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions