A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

18/09/2014 21:12

Candidatos se apresentam e mostram programas de governo

Eduardo Penedo

Os candidatos ao Governo do Estado acabaram de se apresentar, na noite desta quinta-feira (18) para os eleitores no debate promovido pela Arquidiocese de Campo Grande e UCDB (Universidade Católica Dom Bosco). O encontro entre os cinco candidatos ao governo de Mato Grosso do Sul acontece no auditório localizado no Centro de Apoio aos Devotos (CAD), no Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Estão presentes Delcídio do Amaral (PT), Nelsinho Trad (PMDB), Professor Monje (PSTU), Evander Vendramini (PP) e Sidney Melo (PSOL). O candidato Reinaldo Azambuja (PSDB) não pode comparecer ao encontro em razão de um compromisso na cidade de São Paulo.

O primeiro que se apresentou foi o candidato Sydney Melo que afirmou que a sua candidatura foi discutida pela base do partido e o plano de governo vai ser diferente com participação popular com propostas que vão transformar o Estado. “Vamos melhorar a administração do Estado. Vamos humanizar . O governo do Estado está muito distante da população. Nos viemos com a alternativa”, comenta o candidato.

O segundo a se apresentar foi o candidatos do PSTU Marcos Monje que comentou que é militante do partido e sempre lutos com os movimentos sociais. Ele explica que tem um projeto antagônico ao do governo do Estado e Federal. “Nos temos um projeto socialista. Nos levantamos a bandeira vermelha.Nos temos um projeto voltado para a necessidade do trabalhador .Essa classe que é dizimada pela classe dominante”, argumenta.

O terceiro postulante ao governo do Estado foi o progressista Evander Vendramini explicou que a candidatura dele é um meio de fazer justiça. Ele citou o caso de Alcides Bernal que foi cassado.Vendramini comenta ainda que a sua candidatura vai ter a discussão com o povo e que está fazendo uma campanha humilde só com 25 mil reais. Ele explica que com o debate a população vai poder avaliar os candidatos.

O quarto candidato a se apresentar foi Nelsinho Trad disse é médico , foi vereador por três mandatos , deputado estadual e prefeito por duas vezes. Ele ainda enalteceu sua vice Janete Moraes e disse que seu governo será pautado pelos princípios morais e éticos, da família, “contra o aborto e em favor da vida”.

O último a se apresentar foi o candidato petista Delcídio do Amaral que explicou que foi ministro das minas e Energia, diretor da Petrobras e sempre trabalhou em empresa ligadas a energia e é senador por dois mandatos. Ele disse ainda que seu governo será pautado pela saúde, educação, segurança pública e sustentabilidade. Uma das prioridades será a inclusão social das pessoas abaixo da linha de pobreza, além de programas voltados para agricultura familiar.

A Arquidiocese informou que as perguntas a serem realizadas foram formuladas por vários setores da Igreja e respeitando as propostas de intenções escrita pelo arcebispo dom Dimas Lara Barbosa. As perguntas serão sobre saúde, ética, juventude, segurança, família, questões indígenas.

O debate estás sento transmitido ao vivo pela Rádio e TV Imaculada, TV Assembleia e a Rádio Coração de Dourados.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions