A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

28/06/2016 12:55

Com pilha de indicações não respondidas, presidente da Câmara vai ao MPE

Fernanda Mathias e Alberto Dias
João Rocha e Edil Albuquerque mostram a pilha de requerimentos não respondidos (Foto: Alberto Dias)João Rocha e Edil Albuquerque mostram a pilha de requerimentos não respondidos (Foto: Alberto Dias)

O presidente da Câmara de Vereadores de Campo Grande, vereador João Rocha (PSDB), mostrou esta manhã a pilha com mais de 7 mil indicações feitas ao prefeito Alcides Bernal (PP) que não foram respondidas. Somente 170 de 7.300 indicações receberam respostas e quanto aos requerimentos, apenas 36 dos 80 apresentados este ano.

João Rocha diz que ainda nesta semana pretende acionar o Ministério Público Estadual. Não há obrigatoriedade em responder às indicações, mas para o presidente não responder caracteriza omissão e negligência do município.

Quanto aos requerimentos, o ato de não respondê-los constitui infração político-administrativa suficiente para cassação do mandato e inelegibilidade por ficha suja, sem a necessidade de interferência do Ministério Público, na avaliação do jurista André Borges.

A Prefeitura contesta os números, entre os requerimentos citados, alega que vários não são dirigidos ao Executivo Municipal e que a maioria cumpriu os prazos estabelecidos para resposta, além de prazos que ainda não venceram.

Vereadores denunciam: 45% dos requerimentos foram ignorados por Bernal
Levantamento finalizado nesta segunda-feira (20) pela Câmara Municipal dá conta que 45% dos requerimentos enviados à Prefeitura não foram respondidos...
Câmara adia de novo votação da PEC que cria distritão e fundo eleitoral
Após várias tentativas de votação nesta terça-feira (22), a análise da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03, que altera o sistema político-e...
Câmara aprova parcelamento de dívidas de Estados e municípios com o INSS
A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira, 22, em plenário, a medida provisória 778/2017, que permite Estados e municípios parcelarem...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions