ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 28º

Política

Compra de voto e propaganda irregular lideram ranking de denúncias no TRE

Justiça Eleitoral tem sistema online para registro de reclamação

Por Mayara Bueno | 23/10/2016 08:35
Sede do TRE-MS, em Campo Grande. (Foto: Arquivo)
Sede do TRE-MS, em Campo Grande. (Foto: Arquivo)

Compra de votos, arrecadação e gastos ilícitos lideram o ranking de denúncias no sistema online de reclamações do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul). Foram 1.060 registros nos 2 meses e 10 dias de campanha, incluindo os dois turnos das eleições.

Ao todo, foram 299 denúncias de compra de votos, arrecadação ou gastos ilícitos em campanha e condutas proibidas para agentes públicos. O sistema online não dá detalhes, nem permite o livre acesso, somente de quem registrou a reclamação, para poder acompanhá-la.

Em segundo lugar, propaganda eleitoral por mensagens eletrônicas e telemarketing, que soma 259. Na sequência, a maior queixa acontece em relação à propaganda em bens de uso comum, como cinemas, lojas, centros comerciais, etc. Foram 127.

A maior parte das denúncias se concentra em Campo Grande, com 366, também porque a Capital vive segundo turno das eleições. Naviraí e Dourados vem na sequência, com 65 e 50 denúncias.

Nos primeiros dias de campanha eleitoral, ainda em agosto e meados de setembro, a principal denúncia eram as mensagens eletrônicas, situação que mudou agora na reta final. No primeiro turno, a internet foi a principal vilã.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário