ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  19    CAMPO GRANDE 22º

Política

Cortejado, Marun diz que prioridade para MS é recuperar Taquari

O deputado licenciado se reuniu com a cúpula do MDB para traçar prioridades

Por Mayara Bueno | 22/12/2017 12:13
Carlos Marun ao lado do ex-governador Puccinelli.
(Foto: Mayara Bueno).
Carlos Marun ao lado do ex-governador Puccinelli. (Foto: Mayara Bueno).

Bastante homenageado pelos colegas de partido, Carlos Marun (MDB), agora ministro de Governo do presidente Michel Temer (MDB), fez a primeira agenda em Mato Grosso do Sul nesta sexta-feira (22). A reunião ocorreu na sede de seu partido, em Campo Grande.

Além da reforma da Previdência, já colocada como prioridade máxima por ordem do presidente, Marun afirma ter a missão, em âmbito estadual, de viabilizar a recuperação do Rio Taquari, no Pantanal, que há décadas sofre com a degradação e o assoreamento.

"É uma questão emblemática e o partido optou por dedicação especial à Bacia do Taquari. E eu entendo que posso contribuir", afirmou o deputado licenciado durante coletiva de imprensa. A expectativa, no que se refere à recuperação, é positiva, afirma. Contudo, não há, ainda, anúncio de nenhuma medida já concreta. "Em 2018 teremos grandes notícias e a efetiva recuperação".

Em outubro, em visita ao Estado, o presidente Michel Temer assinou duas medidas que podem garantir verbas para a recuperação do rio. Os projetos preveem investimentos de R$ 6 bilhões em ações para reparos e preservação do meio ambiente. A fonte de dinheiro será uma espécie de renegociação de dívidas de multas ambientais.

Carlos Marun diz existirão outras demandas em relação ao Estado e que está de portas abertas para receber prefeitos, vereadores e deputados no Palácio do Planalto.

Candidatura - Antes da coletiva, o ministro se reuniu com as bancadas estadual e federal do MDB e com o ex-governador André Puccinelli - que anunciou sua tentativa de retornar ao comando do Estado.

Reforçou a candidatura própria do MDB e a consolidação do nome que há tempo era pedido pelos colegas de partido. "Teremos candidatos, já está definido. A legenda vai contar com a minha participação como filiado que sou há anos".