A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

25/08/2009 12:18

Dagoberto pode ser acionado na Justiça por declarações

Redação

O deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT) pode ser acionado na Justiça devido a declarações sobre "conchavos" na Assembléia Legislativa.

Presidente regional do partido, o deputado estadual Ary Rigo admitiu esta possibilidade nesta manhã. Ele disse que vai conversar sobre o assunto com o presidente da Casa, Jerson Domingos (PMDB).

"Vou mandar transcrever a entrevista que ele deu à rádio, mas isso não tem pressa, porque está gravado. Depois vamos definir isso com o Jerson", avisou Rigo, que se disse constrangido ao ter que dar entrevista sobre declarações impensadas de um companheiro de partido.

Ontem, em entrevista ao programa Tribuna Livre, da FM Capital, Dagoberto Nogueira fez declarações ácidas contra companheiros de partido.

Além de afirmar que alguns deputados do PDT não fazem a menor falta, falou sobre a possibilidade de sujeira na Assembléia Legislativa.

Dagoberto afirmou que parlamentares estão "preocupados principalmente com seus esquemas dentro da Assembléia" e que "se aproximam de tudo quanto é governo".

Também se mostrou magoado com sua eleição para deputado federal, afirmando que na hora H, ninguém o apoiou. "Cada um foi se acertando, na base do quem dá mais. Teve gente fazendo troca-troca com cargos, todo tipo de sujeira. Mas a gente tem que ir limpando o partido", declarou Dagoberto, causando polêmica nos meios políticos.

Para Rigo, Dagoberto está se desentendendo com deputados e líderes do partido devido à sua obsessão em ser candidato ao Senado.

"Me sinto mal em ter que responder declarações de um companheiro que fala tanta besteira. Ele sempre foi o candidato do PDT ao Senado, isso nunca mudou, mas ele tem que ter compostura de candidato. Isso tudo só pode estar acontecendo porque o Dagoberto está obcecado pelo Senado", analisou.

Nesta manhã, o próprio presidente da Assembléia Legislativa, Jerson Domingos (PMDB), pediu a retratação de Dagoberto e não excluiu a possibilidade de uma ação judicial. Entretanto, disse que isso deve partir do PDT.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions