A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

11/10/2011 09:42

De olho no cargo de vice-prefeito, vereador defende apoio ao PMDB

Wendell Reis

Em meio a confusão com o diretório municipal, evidenciado por agressões na última reunião na Capital, o PSB ainda não decidiu se lança candidatura a prefeitura em Campo Grande ou se apóia outro partido. Nesta semana, um dos líderes do partido, deputado Lauro Davi, revelou que pediria autorização a executiva nacional para lançar candidatura própria em Campo Grande, mas não revelou quem seria o escolhido.

Em entrevista ao Campo Grande News, o vereador Carlão, único representante do partido na Câmara Municipal, revelou que é contrário a candidatura própria. Para ele, a candidatura deveria ter sido pensada em médio prazo, o que não ocorreu. Desta maneira, defende que o partido continue apoiando o PMDB na Capital.

Carlão acredita que o partido teria mais condições de crescer se apoiasse o PMDB, com a expectativa até de indicar um vice na chapa apoiada pelo governador André Puccinelli (PMDB) e pelo prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho. Caso o partido opte por se candidatar a vice do PMDB, Carlão se coloca a disposição, alegando que seria um bom candidato, pois “conhece todos os bairros da Capital e tem os pés no chão”.

O vereador explica que o ex-senador Valter Pereira, cotado para assumir a presidência do partido antes da chegada de Murilo Zauith, seria um bom nome para a prefeitura de Campo Grande. Porém, não tem apoio dentro do partido, o que dificultaria a candidatura.

Carlão acredita que o partido não conseguiria eleger nenhum vereador se lançasse candidatura própria e defende o apoio ao PMDB como melhor escolha. Ele explica que o partido conseguiria crescer muito mais se conseguisse uma secretária em uma administração, para que pudesse realizar um bom trabalho social. Todavia, diz que Valter Pereira é um político bastante respeitado e não deixaria de apoiá-lo, caso a maioria opte por candidatura própria.

O Campo Grande News procurou o ex-senador Valter Pereira, mas o mesmo não quis falar sobre o assunto e declarou que teríamos novidade nos próximos dias. O deputado Lauro Davi não foi localizado.

Reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, diz Meirelles
A reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, de acordo com o ministro da Fazenda Henrique Meirelles. A declaração foi dada na noite de...
Quanto mais reforma demorar, mais dura será correção, diz ministro
Caso o governo não consiga aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, conseguirá em 2018, disse hoje (11) o ministro do Planejamento, Dyogo Oli...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions