A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

30/03/2016 16:32

Deputado se despede da Assembleia amanhã para assumir secretaria

Paulo Yafusso
Barbosinha, ao centro; na presidência da CPI dos Combustíveis, deve assumir Beto Pereira (na imagem, à direita) (Foto: Assembleia Legislativa)Barbosinha, ao centro; na presidência da CPI dos Combustíveis, deve assumir Beto Pereira (na imagem, à direita) (Foto: Assembleia Legislativa)

O deputado José Carlos Barbosa (PSB), o Barbosinha, formaliza nesta quinta-feira (31) o pedido de licenciamento da Assembleia Legislativa para, no dia seguinte, assumir a Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública). Ele deve usar a tribuna para se despedir dos colegas. Nesta semana, já comunicou os integrantes da CPI dos Combustíveis e da CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) que está deixando as atividades parlamentares para assumir a pasta no governo do estado.

A saída dele vai provocar mudanças no Legislativo e também na CPI e na CCJR, das quais ele era o presidente. Na vaga dele como deputado assume o suplente coronel Carlos Alberto David dos Santos (PSC). Na Comissão Parlamentar de Inquérito que apura a situação do mercado de combustíveis no Estado, será indicado um novo membro e eleito o substituto de Barbosinha na presidência.

Na CPI a tendência é de que Beto Pereira (PSDB), que ocupa a relatoria, assuma o lugar dele. Já na CCJR, pelos trâmites normais, será escolhido novo integrante da Comissão, que passará a ser presidida pelo vice, deputado Lídio Lopes (PEN).

Reservado, Barbosinha tem evitado falar sobre os planos para a sua gestão na Sejusp. Mas o Campo Grande News apurou que ele vem conversando com integrantes das forças de segurança e da equipe do atual secretário, Silvio Maluf, para ter um panorama da segurança pública no Estado. O novo titular da Secretaria de Justiça e Segurança Pública já solicitou algumas informações dos órgãos ligados à pasta.

Formado em direito, José Carlos Barbosa foi professor de direito processual penal em faculdades de Dourados e em 2007 assumiu a presidência da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul). Em 2014, se elegeu deputado estadual com 21.554 votos. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions