A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

20/01/2014 18:51

Diante de ataque, Nelsinho diz que Delcídio já está reagindo às pesquisas

Josemil Arruda
Nelsinho nega estar por traz de mobilização para cassar Bernal (Foto: arquivo)Nelsinho nega estar por traz de mobilização para cassar Bernal (Foto: arquivo)

O pré-candidato do PMDB ao governo do Estado, Nelsinho Trad, reagiu a declarações atribuídas ao senador Delcídio do Amaral (PT), afirmando que o petista está preocupado com as pesquisas eleitorais desfavoráveis. “Para mim esse tipo de ataque tem a ver com mudança de cenário. Isso aí tem nome e sobrenome, chama-se pesquisa eleitoral. As nossas pesquisas de consumo interno têm mostrado declínio do adversário e ascensão de nossa candidatura, sendo que em Campo Grande já estamos na frente”, afirmou Nelsinho.

Via Facebook, o senador Delcídio do Amaral postou uma gravação em que afirma que a família Trad vive perseguindo cargos públicos. “O que foi quebrado em 2012 foi uma ‘tradição’ que lamentavelmente insiste em permanecer no poder, não só em Campo Grande, mas no Estado, na Câmara, onde tiver um cargo essa 'tradição' persegue incansavelmente o poder”, declarou o petista. Nesse mesmo áudio, sem citar nomes, o senador dá a entender que os Trad estariam trabalhando pela cassação do prefeito Alcides Bernal (PP). “São esses que estavam querendo tirar alguém eleito pelo povo democraticamente”, afirmou.

Nelsinho Trad nega qualquer envolvimento em mobilização pela cassação de Bernal. “Quem está conduzindo essas questões do prefeito Bernal é a Câmara, composta por 29 vereadores, e órgãos de controle, como Tribunal de Contas e Ministério Público. E por uma coincidência essas três instituições comungam da mesma direção, que houve improbidade administrativa”, disse o peemedebista.

Para o ex-prefeito Nelsinho, se Bernal fez alguma irregularidade terá de “arcar com as suas conseqüências” previstas na própria legislação. “Eu não estou preocupado, tampouco envolvido nessas questões, que pra mim têm toda a prerrogativa e legitimidade dessas instituições em se ocupar dessa história”, declarou. “Estou preocupado em terminar minha gestão frente à Secretaria que comando e me preparando para ser o governador de Mato Grosso do Sul”, acrescentou.

Em seguida, Nelsinho lamentou esse tipo de prática. “Essa baixaria de ficar querendo atacar o adversário com meias palavras é típico daquele que diz que é de todos e acaba não sendo de ninguém”, criticou o atual secretário estadual de Articulação com os Municípios, fazendo referência à frase que Delcídio usou na campanha eleitoral para o Senado, autoproclamando-se como “o senador de todos”.

Para Nelsinho, o ataque de Delcídio se contradiz como os elogios do passado, que fez à sua família, inclusive ao finado deputado federal Nelson Trad, a quem enalteceu há alguns anos pela “seriedade e honestidade”. “A mim também ele cansou de falar em eventos da Prefeitura de Campo Grande, fazendo elogios e agora age dessa forma”, apontou o ex-prefeito.

O senador Delcídio do Amaral foi procurado, através de sua assessoria de imprensa, para responder à manifestação de Nelsinho Trad, mas não deu retorno até o fechamento desta matéria.

 

 

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...


A claro Dr Nelson Trad Filho sera um orgulho telo como GOVERNADOR do Mato Grosso Do Sul e, assim dando continuidade ao excelente serviço do nosso atual Governador.
 
Douglas Silva em 21/01/2014 17:10:42
Pesquisa não elege ninguém. Vamos ver no dia da eleição. Todos sabemos que o senador é favorito.
 
Karina Silva em 21/01/2014 15:16:30
pesquisas ? kkkkkkkkkkkk Coisa nenhuma Delcídio será governador com folga...
 
William junior em 21/01/2014 13:22:55
Com ou sem pesquisa não tem pra ninguém... Delcidio será nosso futuro governador!
 
Benedito Ramos em 21/01/2014 12:20:47
Pelo que consta, o apoio do senador ao atual prefeito, foi apenas parte de um acordo eleitoral, que ocorreu devido à conjuntura formada no segundo turno das eleições de 2012, o apoio dado, poderia ser para qualquer outro candidato, dos partidos coligados, ou apoiados, portanto, se há ou não irregularidades na gestão, creio que não há porque responsabilizar o senador, pois quem elegeu o prefeito foi o voto popular, não o senador com seu apoio, o que é justo é justo! Delcídio Governador! Com pesquisa ou não!
 
Guilherme Fernandes em 21/01/2014 12:18:35
Reagindo às pesquisas? Que pesquisas são essas? Em todo o estado Delcídio é o favorito da população. Essa tradição tem mesmo que ser quebrada.
 
Tatiana Soares em 21/01/2014 11:03:34
é isto ai Nelsinho.va em frente com atenção,dedicação e trabalho que a vitória vira.campo grande como esta hoje é a prova do trabalho das gestões André e Nelsinho.ninguem póde combater o bom resultado do engrandecimento e desenvolvimento de nossa cidade pelo que foi feito nas duas gestões.vamos a luta pra valer.
 
francisco de sá em 21/01/2014 09:14:26
Mexer com quem tá quieto, dá nisso. O senador perdeu a oportunidade de calar-se.
 
sebastiao dos reis em 21/01/2014 09:06:45
Caro Senador Delcidio, tenho em minha familia e circulo de amigos: medicos, dentistas que trabalham no municipio, como tambem professores. Todos, indistintamente falam que não tem nem o material essencial para executarem suas tarefas desde que Bernal tornou-se prefeito. Os dentistas contam que trabalhavam com material melhor que muitas clinicas particulares quando Nelsinho era prefeito. O mesmo é relatado pelas professoras, que hoje veem as crianças sofrerem as consequencias dessa pessima administracao. Infelizmente o senhor apoia a continuidade da discriminaçao de pessoas carentes e aumento da desigualdade social. Nelsinho buscava, com muita eficiencia, minorar a desigualdade, oferecendo serviço publico de qualidade. No governo dele ganhamos premio de melhor escola publica do pais.
 
Joao Paulo Yuris em 21/01/2014 08:50:57
QUE PENA QUE O SENADOR NÃO TER ARGUMENTOS E SERVIÇOS A MOSTRAR EM VEZ DE FICAR ATACANDO OS CANDIDATOS ADVERSÁRIOS.
NAS ELEIÇÕES PASSADAS APOIOU JUNTO COM O CANDIDATO TUCANO O PREFEITO DESASTRADO QUE ESTA EM CAMPO GRANDE E POUCO TEMPO DEPOIS REAGIU DE FORMA AGRESSIVA QUANDO IMPRENSA NACIONAL MOSTROU ELE JUNTO COM ESSE PREFEITO EM UM ESCÂNDALO.
EM FEZ DE FICAR PROVOCANDO BRIGAS, DIZ O QUE FOI FEITO NA CPI DO MENSALÃO, DE SEU PARTIDO QUE PODERIA SER MAIS CLARA E PRENDER ESSES BANDIDOS DO PT.
 
MARCELO MATOS em 21/01/2014 08:26:51
Fora Bernal, e Delcidio, não adianta... a coisa não esta bonita pro seu lado, antes o Nelsinho do que vc! Seu pior erro é estar ao lado do Bernal que esta queimado, aqui em Campo Grande ele não se elege nem para presidente de bairro mais!
 
João Batista em 21/01/2014 08:23:15
Como dizia o saudoso Nelson Trad num embate de campanha politico oque voce menos dev e mencionar é o nome do seu adversário, acho que o Nelsinho é campo granadense tem todo o direito de pleitear uma vaga politica a qual tiver competência até por amor e responsabilidade a sua terra ,e esquecer o adversário, Mostre na época de campanha eleitoral suas propostas.
 
claudeci candido barbosa em 21/01/2014 07:02:41
Cuidado!! O cenário está formato: Mesmo sabendo no que ia virar Campo Grande, nosso Senador apoiou o incapacitado. O próximo passo é ganhar o Governo e com isto, sendo governo, ele consegue ganhar a prefeitura de Campo Grande que o PT tanto almeja, porque sabe que o incapacitado de hoje, não ganha mais nem para presidente de bairro, bom, isso se não fosse o brasil com essa ignorância cultural né, prova disto tá o Zequinha de volta, o Color e muitos outros maus políticos que não deveriam mais voltar a atuar como políticos, mas o "povo" insiste com sua ignorância e para fechar o cenário, o poder ficaria todo com o PT, MS e o Brasilzão, aff!! abram os olhos, se querem mudar, não façam anarquia q fizeram com nossa Capital e antes que falem algo, eu sou neutro, mas não burro e cego.
 
Osvaldo Lopes em 20/01/2014 20:51:49
Se houve alguma irregularidade,nós do povo queremos saber...
Essas pessoas ficam inventando liminares para escapar da investigação,a casa que investiga é a favor do povo!
Quem está tentando impedir as investigações,sentirá nossa revolta nas eleições
 
Tiago Plac em 20/01/2014 19:13:16
A onde estavam essas três instituições? Dormindo em berço expendido? Enquanto a população sofria com obras inacabadas e buracos, como o do Residencial Cachoeirinha que consumiu milhões
 
Maria Madalena Almeida em 20/01/2014 19:06:50
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions