A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

15/06/2012 11:32

Dilma e governadores discutem concessão de empréstimos e dívida

Fabiano Arruda
André Puccinelli e outros 26 governadores participam em reunião com a presidente Dilma Rousseff nesta sexta-feira. (Foto: Agência Brasil)André Puccinelli e outros 26 governadores participam em reunião com a presidente Dilma Rousseff nesta sexta-feira. (Foto: Agência Brasil)

A presidente Dilma Rousseff (PT) se reuniu com governadores de todas as unidades da federação. A liberação de empréstimos que chegam a R$ 20 bilhões, por meio do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), e a mudança dos critérios da dívida dos estados com a União estiveram na pauta.

As linhas de crédito fazem parte de medida do Governo diante da crise internacional. Para tanto, algumas medidas de contrapartida pelos governos estaduais foram discutidas, como a redução de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

A medida faz parte de uma estratégia do Governo Federal para aumentar o PIB (Produto Interno Bruto) no País, já que, segundo estatísticas do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgadas no começo do mês, a economia brasileira cresceu apenas 0,2% no primeiro trimestre.

Em relação à dívida, a mudança do índice que corrige a dívida dos estados também foi abordada. A taxa básica de juros, a Selic, teria que substituir o atual IGP-DI (Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna). Esta é uma das bandeiras defendidas pelo governador André Puccinelli (PMDB).

Presidente Dilma durante encontro com governadores, que discutiu temas como liberação de R$ 10 bilhões em empréstimos às unidades da federação. (Foto: Agência Brasil)Presidente Dilma durante encontro com governadores, que discutiu temas como liberação de R$ 10 bilhões em empréstimos às unidades da federação. (Foto: Agência Brasil)

Segundo informações da Agência Brasil, no Senado, uma proposta do senador Francisco Dornelles (PP-RJ), na Comissão de Assuntos Econômicos, estabelece o indexador da dívida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Ampliado) mais 3%. Essa proposta foi apoiada pelos secretários de Fazenda dos estados em reunião do Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária).

Após o encontro, Puccinelli participa de reunião com a ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions