A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Abril de 2018

13/08/2010 07:14

Duarte vai pedir uniformidade das regras eleitorais

Redação

"Virou esculhambação". Assim o deputado estadual Paulo Duarte (PT) definiu nesta sexta-feira as diferenças entre as regras eleitorais nas várias cidades de Mato Grosso do Sul. Ele vai pedir ao TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral) para dar uniformidade às decisões em todo o Estado.

Como os juízes eleitorais de cada comarca criam as suas portarias, cada município acaba tendo regras próprias.

Em Corumbá, por exemplo, está proibida a campanha próxima a semáforos. "Mas qual é a proximidade (quantos metros)?", pergunta o candidato à reeleição. "Estão estragando o processo eleitoral. O Congresso não legisla e essas regras que estão sendo editadas acabam bagunçando completamente tudo, por falta de uniformidade. Tem coisas que pode fazer em uma cidade e em outra não, dentro do mesmo estado", diz.

Em Ponta Porã, ainda conforme o deputado, um juiz eleitoral chegou proibir a distribuição de água mineral.

O deputado afirmou que agora precisa fazer campanha com as portarias debaixo do braço.

Para Paulo Duarte, as restrições limitam a campanha saudável e favorece "a secreta, de conversa ao pé-de-ouvido e de compra de votos".

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions