A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

21/11/2012 17:24

Fauzi diz que vai recorrer ao TSE contra cassação

Fabiano Arruda
Fauzi Suleiman foi reeleito prefeito de Aquidauana, mas, com decisão, fica impedido de tomar posse e segundo colocado na disputa pode assumir. (Foto: Gabriel Neris)Fauzi Suleiman foi reeleito prefeito de Aquidauana, mas, com decisão, fica impedido de tomar posse e segundo colocado na disputa pode assumir. (Foto: Gabriel Neris)

O prefeito reeleito de Aquidauana, Fauzi Suleiman (PMDB), afirmou, nesta quarta-feira, que vai ingressar com recurso, provavelmente na próxima semana, para recorrer ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) contra decisão do TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral), que cassou, nesta semana, seu registro de candidatura.

Fauzi afirmou que sua defesa vai contestar as duas ações movidas conta ele: uma de utilizar o site institucional da Prefeitura para promoção pessoal e outra por irregularidades no programa de assistência social “Família Feliz”.

Na primeira, argumenta que de sete mil matérias veiculadas no site 140 foram utilizadas como exemplo de irregularidade. Segundo ele, as reportagens foram exibidas fora do período eleitoral. Além disso, completa, o município possui grande densidade populacional em aldeias e distritos, localidades ainda sem acesso à internet. “Um site de prefeitura não tem poder de desequilibrar uma eleição”.

Na segunda, garantiu que o programa atendeu ao máximo 370 famílias e rebateu as informações de o número de contempladas seriam cinco mil. Também assegurou que as ações se iniciaram no ano passado e não no período eleitoral.

Outra acusação é que o “Família Feliz” foi instituído por meio de decreto e não por lei. Conforme o peemedebista, Aquidauana é uma das poucas cidades brasileiras que implantou o SUAS (Sistema Único de Assistência Social), política que contempla a concessão de benefícios eventuais, explicou.

“O decreto só regulamentou. Todas as famílias receberam visitas de equipes das prefeituras. E a relação dos beneficiados foi enviada ao Ministério Público e a Justiça Eleitoral”, pontuou, acrescentando que o programa ficou suspenso durante o período eleitoral.

Eleição – Fauzi disse confiar na reversão do caso no TSE e destacou que a decisão muda o resultado da eleição em Aquidauana, que pode fazer o segundo colocado na disputa, José Henrique Trindade (PDT), tornar-se prefeito.

“Nunca fomos acusados de compra de votos ou abuso de poder. Mesmo com as questões jurídicas que enfrentamos e as dificuldades de uma reeleição, vencemos por meios lícitos”.

Segundo ele, os outros candidatos tiveram oportunidade de apresentar suas propostas, mas não foram aceitos pela população que o elegeu com 48,97%.

“O povo de Aquidauana fez sua escolha de forma cristalina, definidora. Você cria (cassação) um trauma político na vida da cidade. Qual a legitimidade do segundo, que não convenceu a população?”, questionou.

Suleiman ainda lembrou que decisão da justiça local sobre os casos o impôs apenas multa e considerou a decisão do TRE sobre a cassação como “pesada”.

Por fim, Fauzi criticou o posicionamento das rádios que operam no município. Conforme ele, das quatro que atuam, três “são contrárias ao seu mandato”. “Isso sim poderia causar desequilíbrio a uma eleição”.



Fauzi vc esta apenas se defendendo, o problema é que os invejosos querem te tirar da prefeitura,pois não conseguiram entrar nem mandando te cassar,tentando achar algum erro e não conseguiram ganhar nem na propria eleição,.Aquidauana te quer, vamos mandar fazer óculos de grau para todos que não enchergam as coisas boas que vc fez pelo municipio, vc pegou a cidade no fundo do poço pensam que vc é aladim ou Deus para fazer milagres, Confia em deus apenas, e tenha pena dakeles que jogam pedra.Quem nunca errou nessa vida.. O voto é obrigatório pelo cidadão para eleger candidato para cidade,o povo escolheu vc,não acredito que essa justiça TRE vai tirar o direito do povo de te ter novamente na prefeitura.Deus é fiel certeza que o TSE é mais competente para ver isso..Forçaa Fauzi
 
Ingleds arnulf em 22/11/2012 20:14:48
É incrivel como esse tal de Fauzzi da trabalho para a justiça, eu nunca vi ou li uma reportagem em que ele esteja falando de alguma obra ou beneficios para Aquidauana eu só vejo ele se defendendo de alguma acusação que ele diz sempre ser injusta.
 
Walter Barros em 22/11/2012 09:56:41
POR ISSO QUE A SOCIEDADE, ULTIMAMENTE ESTA DESACREDITANDO NA JUSTIÇA, QUANDO A LEI ERA SOBERANA, ISTO ELABORADA PELOS LEGISLATIVO, ERA SECA, MAS QUANDO CAIU NAS MÃOS DO STF, E OUTROS, AÍ A COISA BAGUNÇOU, NINGUÉM RESPEITA MAIS NINGUÉM, NÃO HÁ UMA DECISÃO SATISFATÓRIA PARA QUE O POVO, TOME UM DIRECIONAMENTO, NESTE CASO, FICA O POVO, TOTALMENTE INDECISO, E MUITOS OUTROS, E DAÍ, SENADORES, DEPUTADOS FEDERAIS, ESTADUAIS, E VEREADORES, VOCÊS SIM, SÃO LEGISLADORES, VOCÊS REPRESENTAM UMA SOCIEDADE, E PARTE DELA, E A VONTADE POPULAR, QUE GERA AS LEIS, TOMEM DECISÃO CORRETA, OU ABANDONEM SEUS POSTOS, FICA SOMENTE O EXECUTIVO E JUDICIÁRIO, PARA TOMAR DECISÕES NESTE PAÍS, QUE DEUS QUE INTELIGÊNCIA E SABEDORIA PARA OS NOSSOS DIRIGENTES, E NOSSOS REPRESENTANTES.
 
PEDRO BRAGA em 22/11/2012 09:50:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions