A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Julho de 2018

18/12/2010 10:03

Geraldo Resende abandona disputa pela prefeitura de Dourados

Aline dos Santos
Resende, que foi diplomado deputado federal por mais quatro anos, desistiu de eleição em Dourados. (Foto: João Garrigó)Resende, que foi diplomado deputado federal por mais quatro anos, desistiu de eleição em Dourados. (Foto: João Garrigó)

O deputado federal reeleito Geraldo Resende (PMDB) desistiu de disputar a prefeitura de Dourados. “Não queria me tornar um empecilho para uma ampla coalizão”, justifica.

Com cinco pré-candidatos, os peemedebistas travavam uma batalha interna pela indicação para disputar o comando da segunda maior cidade do Estado. No entanto, dos pretendentes, Resende tinha o maior peso político.

O parlamentar explica que a desistência atendeu a diversos apelos. “Dos amigos, milhares de eleitores e prefeitos que não queriam ficar sem um deputado”, afirma.

Contudo, também pesou na decisão a postura da maior liderança do PMDB, o governador André Puccinelli, que vinha prometendo ficar neutro na disputa. “Isso também foi um indicativo. Uma liderança como o governador nos orientou no sentido de que não seria conveniente uma disputa”, pondera.

Neste cenário, apesar de o PMDB ainda ter quatro pré-candidatos à prefeitura, aumenta a possibilidade do vice-governador Murilo Zauith, candidato do DEM, se coligar com o PMDB, que indicaria o nome do vice-prefeito.

Em 2008, Zauith perdeu a eleição para Ari Artuzi, que neste ano foi acusado de comandar um esquema de propina na prefeitura. Ele foi preso durante a operação Uragano, realizada pela PF (Polícia Federal) em setembro, e ficou mais de 90 dias atrás das grades. Artuzi só foi solto após renunciar ao cargo.

Além de Artuzi, foram presos o vice-prefeito Carlinhos Cantor e 9 dos 12 vereadores da cidade. Todos já estão em liberdade. Dourados chegou a ser administrada por um juiz e, atualmente, é comandada por Délia Razuk (PMDB), que deixou a presidência da Câmara para assumir a prefeitura.



Parabens ao nosso querido Deputado,vejo que ainda não é hora de disputar a Prefeitura de Dourados,ainda em meio de tantas burtulencia ,e que ele continue trabalhando e trazendo recursos p/ melhorias de nossa malha viaria, como tem feito .Parabens Deputado.
 
Antonio carlos ( carlinhos) em 19/12/2010 12:38:46
Parabéns ao deputado pelo desprendimento. Sabemos que é um sonho antigo, mas este não é o momento dele pleitear a disputa para o cargo.
A sociedade douradense deve se unir em prol de uma candidatura única, de Murilo Zauith, para que todas as lideranças municipais possam trabalhar em prol da reconstrução da cidade, após o furacão que a assolou...
Chegará a hora e o momento certo para Geraldo Resende ser o prefeito desta cidade. Ele é jovem e terá a sua hora.
 
Takeshi Matsuba em 19/12/2010 10:17:00
Quem conhece o Deputado Geraldo Resende sabe o tanto que Dourados ganharia o tendo como Prefeito. E o tanto que outros Municipios perderiam em recursos obtidos por um dos parlamentares mais atuantes do Estado. Dourados ganha com o desprendimento e a união da classe politica num momento tão delicado. E Geraldo também.
 
ROBERSON MOUREIRA em 19/12/2010 09:19:24
- Parabéns ao Deputado Geraldo Resende, pela coerencia, por pensar maior em favor de Dourados que tanto pecisa de força e união neste momento. Quem sabe à partir daí surja uma candidatura única, onde o maior compromisso seja com a re-construção e o progresso de Dourados.
 
- Antonio Cordeiro Neto em 19/12/2010 06:00:22
Sabia decisão ... esta agua ainda esta muito suja, prefiro que você se candidate , quando a mesma estiver limpa... potável !!!
 
luiz guimares em 19/12/2010 05:24:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions