A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Agosto de 2017

08/05/2014 07:50

Governador lança prêmio de gestão pública e assina acordo com o Paraguai

Leonardo Rocha
André lança premiação de gestão pública e ainda recebe comitiva do Paraguai (Foto: Arquivo)André lança premiação de gestão pública e ainda recebe comitiva do Paraguai (Foto: Arquivo)

O governador André Puccinelli (PMDB) lança hoje (8), a 10° edição do prêmio de gestão pública que tem como objetivo incentivar os servidores municipais, estaduais e comunidade acadêmica do Estado. O evento acontece às 8h30, na Governadoria. Depois, por volta das 10h, André assina um memorando de entendimento com a República do Paraguai, no Buffet Yotedy.

Na primeira agenda do governador se destaca a 10° edição do prêmio de gestão pública que totalizam R$ 200 mil. Diversas entidades são parceiras do executivo neste projeto, entre eles universidades do Estado (UFMS, UFGD, UEMS, UCDB), além da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Feserp/MS, Fetems e Fundect.

Nesta premiação existem três categorias: práticas e ideias inovadoras na Gestão Estadual, práticas e ideias inovadoras na gestão municipal e categoria acadêmica. O tema dos trabalhos precisa ter como base “Aprimoramento da Gestão Pública com Ênfase em Resultados e Ideias Inovadoras”.

A premiação será na gestão estadual e municipal de R$ 10 mil para o primeiro colocado, R$ 8 mil para segunda colocação e R$ 5 mil para quem ficar em terceiro lugar. Para categoria acadêmica, será R$ 10 ao primeiro (colocado), R$ 6 mil para quem ficar em segundo e R$ 3,5 mil ao terceiro lugar.

Os interessados devem realizar a inscrição em todas categorias pelo site: http://www.escolagov.ms.gov.br, preenchendo o formulário e anexando o trabalho. O prazo será do dia 9 de maio até o dia 10 de agosto.

Assinatura - Na segunda agenda do dia, Puccinelli assina um memorando de entendimento com o Departamento de Concepcion (República do Paraguai) para a promoção de atividades e empreendimentos em conjunto, com a meta de acelerar o desenvolvimento das respectivas regiões.

André esteve no Paraguai em fevereiro, onde definiu a criação de uma comissão conjunta para avaliação de projetos em comum com o país vizinho. O governador ia receber a comitiva do Paraguai, liderada pelo vice-presidente Juan Afara Macial.

Nesta reunião será discutida integração comercial, cultural, científica e a logística de transportes. Um dos objetivos é abrir novos corredores de exportação, como a construção da ponte sobre o rio Apa, em Porto Murtinho.

Existe também a intenção da implantação do corredor bioceânico, que irá ligar a costa brasileira com portos de Antofagasta e Iquique, no Chile, quer encurta 8 mil quilômetros a distancia aos países da Ásia.

Também se espera realizar intercâmbio comercial na região de fronteira, como a criação de barreiras técnicas para facilitar trânsito de gado, destinado a exportação. Assim como a cooperação com universidades públicas do Estado para disponibilizar vagas a estudantes nos cursos de graduação e pós-graduação.

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions