A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019

02/07/2019 13:47

Governador vai ao Paraguai para fechar acordos para agronegócio e segurança

O chefe do Executivo estadual e o presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, devem conversar sobre o corredor bioceânico

Anahi Zurutuza e Leonardo Rocha
Governador Reinaldo Azambuja em entrevista (Foto: Marina Pacheco/Arquivo)Governador Reinaldo Azambuja em entrevista (Foto: Marina Pacheco/Arquivo)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) vai a Assunción, capital do Paraguai, na próxima segunda e terça-feira, 8 e 9 de julho, para discutir e fechar acordos com o governo paraguaio para o agronegócio e segurança pública. O chefe do Executivo estadual e o presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, devem conversar ainda sobre o corredor bioceânico.

A ministra Tereza Cristina (DEM) vai acompanhar Reinaldo para ajudar nas negociações dos acordos de segurança sanitária animal e vegetal.

Também farão parte da comitiva os secretários de Estado de Governo, Eduardo Riedel, e de Segurança Pública, Antônio Carlos Videira.

“Somos vizinhos, precisamos ter mais parcerias e diálogo frequente”, explicou Reinaldo sobre a agenda no país da fronteira.

Na reunião também será tratada a criação de um parque tecnológico nas cidades fronteiriças de Ponta Porã e Pedro Juan Cabellero.

Sobre o corredor bioceânico, o governador e Mario Abdo vão tratar da construção em parceria da ponte sobre o Rio Paraguai para ligar Porto Murtinho a Carmelo Peralta e também da ponte sobre o Rio Apa.

O corredor bioceânico são um conjunto de projetos da IIRSA ( Iniciativa para a Integração da Infraestrutura Regional Sul-Americana), que visam interligar os litorais do Oceano Atlântico e o Oceano Pacífico pela América do Sul. A cooperação entre os países latinos tem objetivo de construir cerca de 4 mil km de rodovias para facilitar o escoamento da produção rural e industrial.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions