A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

26/03/2014 12:58

Governo envia seis projetos para adequação das carreiras dos servidores

Leonardo Rocha
Líder do governo, o deputado Junior Mochi, diz que até 20 projetos relacionados as carreiras dos servidores chegarão para serem votados na Assembleia (Foto: Divulgação)Líder do governo, o deputado Junior Mochi, diz que até 20 projetos relacionados as carreiras dos servidores chegarão para serem votados na Assembleia (Foto: Divulgação)

O governo estadual enviou mensagem de seis projetos relacionados a reajuste, adequação e plano de cargos e carreiras dos servidores estaduais à Assembleia Legislativa. De acordo com o líder do governo, o deputado Junior Mochi (PMDB), neste pacote  pode chegar até 20  projetos até amanhã, já que os deputados pretendem votar as propostas na semana que vem.

O executivo estadual deu entrada em seis projetos, entre eles da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), Agehab (Agência de Habitação Popular do Estado de Mato Grosso do Sul), Policia Civil, funcionários da administração da Fazenda, Ageprev (Agência de Previdência Social de MS) e profissionais da saúde.

“Todos estes projetos já estão em sintonia com suas respectivas categorias e classes, o governo vai enviar os demais para que possamos votar e publicar até o dia 3 de abril”, ressaltou Mochi.

De acordo com o deputado Pedro Kemp (PT), apenas algumas entidades ainda faltam detalhes e situações a acertar, como Funtrab (Fundação Estadual de Trabalho), Agepan (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul), Fundação de Cultura e funcionários administrativos da Sefaz (Secretaria Estadual de Fazenda).

O governador André Puccinelli (PMDB) ressaltou que o governo já forneceu todos os detalhes e explicações aos deputados, então não deve haver problema na aprovação das propostas. “Fiz um compromisso com as categorias e vou cumprir, espero que até semana que vem possamos publicar estes projetos de lei”.

Projetos – Pelo fato das propostas terem entrado no expediente hoje (26) pela manhã, os deputados só terão acesso aos projetos no período da tarde, onde irão estudar os detalhes das propostas apresentadas.

“Sabemos que não haverá como atender a todos e com as respectivas demandas, mas na medida do possível iremos contribuir com as carreiras”, ressaltou Lauro Davi (PROS).

Governo vai enviar à Assembleia 18 projetos sobre carreira de servidores
O governador André Puccinelli (PMDB) vai enviar 18 projetos à Assembleia Legislativa, entre amanhã e sexta-feira, sobre o funcionalismo público. De a...
Governo amplia vagas para psicólogo em concurso das Uneis
Após fuga e motim de adolescentes na Unei (Unidade Educacional de Internação) Dom Bosco, o Governo do Estado decidiu ampliar o número de vagas no con...
Governo seleciona candidatos para garantir políticas públicas para mulheres
A Secretaria de Estado de Administração de Mato Grosso do Sul e a Subsecretaria da Mulher e da Promoção da Cidadania publicaram no Diário Oficial a a...
Marun ainda quer votar relatório da JBS antes de posse no ministério
Na véspera de ser empossado como ministro da Secretaria de Governo, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), relator da Comissão Parlamentar Mista de Inqué...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions