A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Abril de 2018

26/01/2015 17:56

Governo só tem R$ 8 mi para pagar dívida de R$ 51 mi dos consignados

Ricardo Campos Jr. e Juliene Katayama
Governador Reinaldo Azambuja (Foto: arquivo)Governador Reinaldo Azambuja (Foto: arquivo)

O governo do estado dispõe de apenas R$ 8 milhões para pagar a dívida que ultrapassa R$ 51 milhões de empréstimos consignados feitos por servidores estaduais cujas parcelas de dezembro foram descontadas em folha, mas não foram repassadas ao banco. “Isso não dá para nada”, disse nesta segunda-feira (26) o governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

Segundo ele, a administração está tentando negociar os valores e evitar que 44 mil funcionários públicos acabem com nomes negativados, visto que o pagamento não foi, de fato, efetivado.

Márcio Monteiro, titular da Sefaz (Secretaria Estadual de Fazenda), culpa a gestão anterior pela falha. Ele ainda esclareceu que valores referentes a janeiro serão pagos, ficando pendente somente o pagamento de dezembro. “Vai levar um tempo e vamos ter que ver como vai se comportar a receita”, resumiu sobre o caso, com solução em análise na PGE (Procuradoria Geral do Estado).

O impacto da arrecadação, com queda estimada entre 7% e 8% em relação a janeiro do ano passado, também se apresenta como “vilão” no processo, ainda sem prazo para ser solucionado.



é incrível como descontam da folha e do proprio servidor e agora os servidores ficarao com o nome negativado só mesmo aqui em MS.
 
kathynass em 26/01/2015 20:27:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions