A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/02/2009 17:51

Indicação para comissão da Câmara abre crise no PP

Redação

A indicação para a Comissão de Transporte e Trânsito da Câmara da Capital está abrindo uma crise interna dentro do PP.

O vereador Alcides Bernal, que comandou a comissão nos últimos quatro anos, não quer abrir mão da vaga. Entretanto, por problemas internos do partido, ainda desconhecidos, o indicado foi o novato Lídio Nogueira.

Logo que os trabalhos foram retomados na Câmara, os membros para as comissões permanentes foram indicados. Apenas Transporte e Trânsito, Eficácia Legislativa e Defesa do Consumidor ficaram pendentes.

As duas últimas foram deixadas em aberto para acomodar vereador que eventualmente não for encaixado na comissão de Transporte e Trânsito.

Reunião entre o secretário municipal do partido, Raimundo Nonato, o presidente municipal do PP, Paulo Matos, e os dois vereadores, deveria acontecer ontem, às 18h, na panificadora Pão e Tal, mas somente Bernal apareceu.

Nos bastidores, comenta-se que o vereador ficou irritado pelo "bolo" que levou. Entretanto, hoje à tarde, Lídio esclareceu que ocorreu apenas um desencontro.

A informação não é oficial, mas há um forte comentário que algum desentendimento interno entre Bernal e líderes do PP pode estar emperrando o processo de indicação para a comissão da Câmara.

Presidente municipal do partido, Paulo Matos chegou a dizer que havia um acordo entre Lídio e Bernal, para que este último abrisse mão das comissões em troca de ser o líder do partido.

Porém, Bernal não confirma e, inclusive, entregou hoje a liderança do partido a Lídio, numa clara demonstração de que não abrirá mão da indicação para as comissões, principalmente a de Transporte e Trânsito.

Lídio afirma que não está disputando a vaga, e que se trata de uma indicação do partido. Ele diz que está satisfeito com uma vaga na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) e com a segunda vice-presidência da Mesa Diretora, mas que não vai deixar passar a vaga na Comissão de Transporte e Trânsito.

O vereador diz, inclusive, que não está à vontade com essa situação. "Eu sou novato e já estou no meio desta polêmica. Fica parecendo que eu estou criando problemas, mas é que fui indicado pelo partido", explica.

Os partidos têm até a próxima terça-feira para indicar os membros das comissões. Segundo Lídio, se não houver consenso dentro do PP, haverá votação em plenário para a escolha do nome do partido que ocupará a vaga na Comissão de Transporte e Trânsito.

"O Bernal tem que conversar no partido, se não tiver jeito, vamos para a votação", declarou Lídio.

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...
TRE realiza plantão para cadastramento biométrico neste sábado na Capital
O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) realiza neste sábado mais um plantão para atender eleitores de Campo Grande que ainda nã...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions