A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 19 de Agosto de 2017

11/01/2014 18:10

Indignada com casos de violência, vereadora cobra Secretaria da Mulher

Lidiane Kober

Diante da onda de violência contra a mulher, a vereadora Carla Stephanini (PMDB) cobrou agilidade na instalação da Secretaria Municipal da Mulher na Prefeitura de Campo Grande.

Em maio, o prefeito Alcides Bernal (PP) encaminhou projeto à Câmara Municipal para criar as pastas da Mulher e da Juventude. A proposta foi aprovada no segundo semestre de 2013, mas ainda não foram instaladas as secretarias.

"Diante desses tristes casos noticiados, torna-se ainda mais evidente a urgência da instalação da Secretaria Municipal da Mulher e do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, duas instâncias de fundamental importância que permanecem desativadas pelo atual prefeito", disse a vereadora.

Nesta semana, por exemplo, Laida Andréia Samulha Romualdo, 35 anos, morreu após ser apedrejada pelo ex-marido, Anderson César Firmino, 24. Matheus Georges Zadra Tannous, 19 anos, por sua vez, é suspeito de agredir a namorada Giovanna Nantes Tresse de Oliveira, 18, na virada do ano.

Outro caso foi registrado no sábado passado (4). Na data, Dayane Silvestre Uliana, de 26 anos, foi morta pelo ex-marido no sábado (4), no cruzamento das avenidas Manoel da Costa Lima com a Bandeiras. Ele deu três tiros da cabeça da ex.

Carla manifestou solidariedade às famílias. Para a vereadora, a quantidade de casos ocorridos "revela a extrema crueldade dos agressores e provoca comoção na sociedade campo-grandense, que se posiciona absolutamente contrária a esta face perversa das relações desiguais de poder entre homens e mulheres".




Instalação da "Secretaria Municipal da Mulher", isso irá impedir de mais mulher serem agredidas ou mortas? Não! Cara vereadora Carla Stephanini o que precisa ser feito é a mudança do código penal, acabar com essa de 1/6 da pena para crimes brutais(estrupo, homicídio, sequestro, tortura, etc...) e benefícios de saidinha para crimes com atentado a vida(tráfico, uso de armas ameaçando as vítimas, estrupo, homicídio, sequestro e reincidentes no crime). Enquanto não mudar a lei o gasto de dinheiro com comissões, instituições e delegacias serão atoa. Gastem dinheiro onde é o certo e no futuro sobrará mais já que não precisará de mais policiais, viaturas, delegacias, etc...! Com a pena mais dura e sendo obrigado a trabalhar de graça(sem receber!) na cadeia o criminoso desiste!
 
Alexandre de Souza em 11/01/2014 21:27:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions