A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

06/04/2014 14:09

Líder do PMDB diz que André vai conduzir o Estado e ajudar nas alianças

Leonardo Rocha
Eduardo Rocha destacou que André poderá terminar seu mandato e ser peça chave nas alianças políticas (Foto: Divulgação)Eduardo Rocha destacou que André poderá terminar seu mandato e ser peça chave nas alianças políticas (Foto: Divulgação)

O líder do PMDB na Assembleia, o deputado Eduardo Rocha, afirmou que com a permanência do governador André Puccinelli (PMDB), no executivo estadual, ele irá poder conduzir o Estado e terminar as obras que começou, além de ser peça “chave” na formação de alianças para Nelsinho Trad e Simone Tebet.

“Não tenho dúvidas que neste novo cenário político, o André (Puccinelli) poderá tocar o Estado e terminar de forma impecável seu mandato, com a conclusão das obras e ainda ajudar nas alianças, será muito útil na eleição”, ressaltou ele.

De acordo com Eduardo, o governador tem um importante programa de desenvolvimento, o MS Forte II, para gerenciar e acompanhar de perto, assim como estará à disposição dos pré-candidatos para dar sua parcela essencial na campanha.

“O governador será o condutor destas negociações, não é porque ele não vai ser candidato, que irá deixar de conduzir as parcerias com o PMDB, ele vai participar do processo, é nosso principal líder político”.

Preparados – O deputado também ressaltou que tanto Nelsinho Trad, como a Simone Tebet tem um “conjunto de atrativos” para formar um bloco de aliança forte para eleição deste ano.

“Agora eles irão começar a andar pelo Estado, primeiro com o partido e os aliados, depois com a população, vão percorrer os 79 municípios”.

O senador Waldemir Moka (PMDB) também argumentou que com Puccinelli no governo estadual, a sua ajuda será ainda maior, já que estará a frente do executivo realizando obras e mostrando as conquista da administração do PMDB.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions