A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

26/10/2014 14:51

Mãe e filha são detidas acusadas de boca de urna e aglomeração

Filipe Prado e Aliny Mary Dias

Duas mulheres, mãe e filha, que não tiveram seus nomes e idades divulgados, foram detidas no final da manhã de hoje (26) pela PF (Polícia Federal) acusadas de fazer boca de urna e aglomeração em frente à zona eleitora da Escola Nova Geração, no Bairro Taveirópolis. Esse foi o segundo caso de detenção por pratica de boca de urna no 2º turno das eleições.

Segundo a assessoria de imprensa da PF, as mulheres estavam trajando camisetas vermelhas e fazendo aglomerações em frente à escola. Um promotora de justiça, que estava pelo local, pediu para que as mulheres dispersassem as pessoas, porém elas se recusaram.

Elas foram detidas pela Polícia Militar por desobediência e encaminhadas para a sede da PF.

Mãe e filha foram ouvidas pelo delegado de plantão e foram liberadas, por volta das 13h30, mediante a assinatura de um termo de compromisso, para um possível comparecimento posterior, caso necessário.

Vereador – Ayrton Araújo (PT) foi detido por volta das 13h30 acusado de praticar boca de urna em frente à Escola Municipal José Barbosa Rodrigues, no Bairro Universitário. Ele estava abraçando e conversando com eleitores, desde às 8h, que chegaram para votar.

Ayrton foi denunciado por Inácio Cavanha, da coligação “Novo Tempo”. Segundo Inácio, a situação se repetiu no início desta tarde, quando foi acionada a polícia. Ayrton nega as acusações e diz que “vão ter que provar o que estão dizendo”.

O advogado de Ayrton rebate as acusações e afirma que Cavanha estava fazendo boca de urna no local, inclusive usando bottons. João disse que não há provas contra Ayrton e fará contra representação acusando o denunciante.

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions