ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 24º

Política

Mais um assentado de Ponta Porã está entre presos por invasões em Brasília

Homem de 53 anos reside no Nova Itamarati

Jéssica Benitez | 14/01/2023 15:51
Milhares de bolsonaristas compareceram a atos antidemocráticos (Foto Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Milhares de bolsonaristas compareceram a atos antidemocráticos (Foto Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Morador do assentamento Nova Itamarati, localizado em Ponta Porã, Antônio Plantes da Silveira de 53 anos está entre os mais de 1.100 presos que foram encaminhados para o Complexo Penitenciário da Papuda conforme lista divulgada pela Secretaria de Administração Penitenciária do Distrito Federal.

Silveira mora no povoado que surgiu a partir do Assentamento Itamarati, onde pelo menos 2.800 famílias de trabalhadores rurais foram instaladas no final do segundo governo Fernando Henrique Cardoso (1999-2002). Além dele, consta que outros dois moradores do local detidos Mário José Ott, 59 anos e Rodrigo Ferro Pakuszewski, 28 anos.

As prisões são fruto dos atos antidemocráticos ocorridos em Brasília no fim de semana passado que culminaram na depredação dos prédios do STF (Supremo Tribunal Federal), Congresso Nacional e Palácio do Planalto. Antônio, conhecido também como Tonho Pombinha, está entre os beneficiados pelo auxílio emergencial e recebeu parcelas de R$ 600, conforme apurou o Campo Grande News.

Além deles, o empresário de Maracaju Adailto Fernandes Coronel e a comerciante de Três Lagoas Aparecida Solange Zanini estariam envolvidos nos atos como financiadores. Eles não constam na lista de presos no Distrito Federal.

Ambos negam, mas junto a outras 50 pessoas tiveram bens bloqueados a pedido da AGU (Advocacia-Geral da União). Ao todo foram bloqueados R$ 6,5 milhões, valor do prejuízo estimado no Senado e Câmara dos Deputados.

Lista - Além dos três do assentamento, também constam entre os presos que saíram de MS José Paulo Alfonso Barros (Ponta Porã); Djalma Salvino dos Reis (Itaporã); Fabio Jatchuk Bullmann (Campo Grande); Ivair Tiago de Almeida (Maracaju); Cassius Alex Schons de Oliveira (Campo Grande); Eric Prates Kobayashi  (Campo Grande); Fabrício de Moura Gomes (Três Lagoas) e Diego Eduardo de Assis Medina (Dourados)

Nos siga no Google Notícias