A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Março de 2019

19/10/2018 11:06

Manter benefícios e investir em qualificação são planos para área social

Candidatos ao Governo de MS, Reinaldo Azambuja, e Odilon de Oliveira, responderam sobre ações no setor, em eventual vitória

Mayara Bueno
Reinaldo Azambuja, do PSDB, durante entrevista no Campo Grande  News. (Foto: Paulo Francis).Reinaldo Azambuja, do PSDB, durante entrevista no Campo Grande News. (Foto: Paulo Francis).
Odilon de Oliveira, do PDT, no Campo Grande News. (Foto: Guilherme Rosa/Arquivo).Odilon de Oliveira, do PDT, no Campo Grande News. (Foto: Guilherme Rosa/Arquivo).

Manter benefícios sociais e investir na qualificação são planos para área social dos candidatos ao Governo de Mato Grosso do Sul, que disputam o 2º turno das eleições.

O Campo Grande News tem feito perguntas aos postulantes sobre projetos práticos para cada setor, em eventual vitória. O assunto desta quinta-feira (dia 18) é área social.

Reinaldo Azambuja, do PSDB, atual governador e candidato à reeleição, quer promover políticas orientadas para apoiar atividades produtivas, geração de emprego, empreendedorismo, criatividade e inovação.

Quer, ainda, incentivar a formalização e o crescimento das micro, pequenas e médias empresas, fortalecer os programas de formação e qualificação profissional e aumentar parcerias com o setor privado.

O atual governo quer, casos haja reeleição, disponibilizar mais informações sobre oferta de vagas de emprego, além de ampliar as oportunidades para quem tem mais experiência. Aumentar a participação de mulheres no mercado, promover a qualificação dos mais jovens e aumentar número de empregos formais.

Reinaldo diz, ainda, que vai fortalecer o Sistema Único de Saúde e integrar o Vale Renda à Política de Assistência Social.

O atual governo quer ampliar a oferta qualificada de serviços de assistência, priorizando áreas de maior vulnerabilidade, como ribeirinhos e comunidades tradicionais.

Odilon de Oliveira, do PDT, afirma que vai atender as pessoas necessitadas, atendidas por benefícios sociais. A intenção é continuar o programa Vale Renda, que atende famílias de baixa renda com uma bolsa e qualificação profissional.

O candidato afirma que quer, ainda, aprimorar o programa. Ele atribui o fim da corrupção e da sonegação fiscal como umas formas de elevar o caixa estadual para aplicar na área social.

Sobre moradias sociais, uma das perguntas para tirar famílias de moradias de risco ou mesmo das ruas, Odilon afirma que a proposta é cumprir planos habitacionais com parcerias entre o governo federal e prefeituras. “Nós temos de liquidar isso. A finalidade do nosso governo será a construção da dignidade do ser humano”.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions