A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

28/08/2009 14:38

Mariano tem direito político suspenso por 2 anos no PT

Redação

O ex-presidente regional do PT Mariano Cabreira teve os direitos políticos suspensos por dois anos no partido. Ele não poderá votar nas eleições internas do PT, neste ano, e nem ser candidato pelo partido nas eleições de 2010.

Mariano foi punido pelo diretório regional por infidelidade partidária, após ter feito campanha para o vereador Clemêncio Ribeiro (PMDB), que acabou reeleito. A suspensão é a segunda maior punição prevista dentro do partido, abaixo apenas da expulsão.

O ex-presidente é um dos fundadores do partido em Mato Grosso do Sul. Ele havia sido inocentado pelo diretório municipal, mas os acusadores Elza Jorge, Sandro Fantini, Walber Noleto e Paula Terra. Mariano deve recorrer da decisão no diretório nacional.

Além dele, foram condenados com a suspensão dos direitos políticos por dois anos os vereadores Clóvis Santana e Samuel Miguel, ambos de Coxim. Eles apoiaram o candidato a prefeito Moacir Khol (PDT) contra Dinalva (PMDB), que tinha o apoio do PT.

O diretório municipal havia decidido expulsar os parlamentares, mas eles recorreram e tiveram a pena amenizada no diretório estadual.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions