A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

04/08/2016 20:45

Marquinhos quer reorganizar a saúde e sorteio de casas populares

Nyelder Rodrigues e Mayara Bueno
Marquinhos foi aclamado na chegada à convenção que oficializou seu nome à disputa pela prefeitura (Foto: Alcides Neto)Marquinhos foi aclamado na chegada à convenção que oficializou seu nome à disputa pela prefeitura (Foto: Alcides Neto)

Prometendo justiça social com foco na reorganização da saúde pública e da distribuição de casas populares, aliado a outras ações, Marquinhos Trad foi oficializado candidato do PSD à prefeitura de Campo Grande, na noite desta quinta-feira (4), em convenção realizada na avenida Afonso Pena, perto do shopping.

Centenas de pessoas participaram do evento, entre elas o irmão de Marquinhos, o ex-prefeito da Capital, Nelsinho Trad (PTB), um dos apoiadores da campanha do, atualmente, deputado estadual. Ao lado da vice, Adriane Lopes (PEN), ele destacou que vem se preparando há anos para este momento.

"Não conjugamos a palavra negociar, nem conhecemos a palavra barganhar. Me preparei por 21 anos para este momento, conheci Campo Grande, busquei conhecer a realidade de cada um", declarou ao público ao relembrar os oito anos que atuou como secretário municipal na área da habitação.

Segundo Marquinhos, quando assumiu o posto, haviam 121 núcleos de moradias em condições subumanas, conseguindo mudar tal realidade no período que esteve à frente da pasta. "A cidade precisa de justiça social. Não é justo que pessoas aguardem 20 anos para ganhar uma casa da EHMA, enquanto outra em um mês conseguem ser contempladas".

Marquinhos disse que se preparou por 21 anos para encarar este momento (Foto: Alcides Neto)Marquinhos disse que se preparou por 21 anos para encarar este momento (Foto: Alcides Neto)

Além disso, o candidato do PSD, que depois pela passagem pelo Executivo, foi vereador e deputado estadual, frisa que é necessário reorganizar a saúde, oferecendo aos postos mais estrutura para atuar na prevenção, ao invés de focar o atendimento "remediando problemas".

Entretanto, não apenas essas serão prioridades na administração, promete Marquinhos, caso seja eleito. "Temos também que focar a infraestrutura das ruas, olhar com cuidado a segurança pública, recuperar praças. É uma somatória de recursos e ações para reconstruir Campo Grande", comenta.

Apoio - Atualmente, Marquinhos já conta com o apoio de PEN, partido da sua vice, Adriane Lopes - mulher do deputado estadual Lídio Lopes, também do PEN -, PHS, PMN e PT do B, além do PTB de Nelsinho. O DEM, do deputado federal Luiz Henrique Mandetta, anunciou apoio ao candidato do PSD nesta quinta-feira.

"A escolha pela Adriane foi puramente técnica. Ela é formada em Direito e pós-graduada em Administração, atende os requisitos que precisamos", afirma Marquinhos. "Acredito em uma reconstrução. Vamos mudar juntos", completou Adriane.

O evento lotou o imóvel nos altos da Afonso Pena que será usado como comitê de campanha. Segundo o presidente estadual do PSD, a coligação já acumula quase 200 candidaturas a vereador.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions