A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Agosto de 2017

30/12/2016 17:45

Marun visita Cunha na cadeia e dá livro sobre ditadura de presente ao amigo

Mayara Bueno
Deputado federal de MS, Carlos Marun (PMDB). (Foto: Agência Brasil/Arquivo)Deputado federal de MS, Carlos Marun (PMDB). (Foto: Agência Brasil/Arquivo)

Preso há pouco mais de dois meses, o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), recebeu na cadeia a visita do colega sul-matogrossense, o deputado Carlos Marun (PMDB). O encontro desta sexta-feira (30) durou meia hora e rendeu até presente do aliado no Complexo Médico Penal, em Pinhais, na região metropolitana da capital paranaense.

Cunha foi preso pela Operação Lava Jato, em outubro passado. Depois, ele ainda perdeu a cadeira no Legislativo Federal ao ser cassado pela maioria dos colegas. As informações são da Folha de São Paulo.

Mesmo triste e revoltado com a prisão, Cunha não demonstrou estar desesperado, segundo a avaliação de Marun. Diferente do traje de antes, gravata e terno, o ex-deputado estava de camiseta branca e uma calça de moletom.

Em um parlatório, compartimento que os presidiários conversam com advogados e familiares, a conversa entre os dois foi sobre a disputa entre o atual presidente da Câmara, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), com Rogério Bosso (PSD-DF) e Jovair Arantes (PTB-GO).

Separados por um vidro, os dois também falaram sobre a prisão de Cunha e sua defesa. Segundo a reportagem, o ex-presidente falou de sua situação jurídica e demonstrou aceitar a prisão preventiva.

Para ajudar o amigo a passar o tempo na prisão, o deputado de MS deixou com Cunha o livro Ditadura Acabada, sobre o regime militar, quinto volume da série do jornalista Elio Gaspari. Na edição, o autor examina detalhes do período de 1978 a 1985, desde o final do governo do presidente Ernesto Geisel e a posse de seu sucessor, o general João Baptista Figueiredo, até a eleição de Tancredo Neves pelo Colégio Eleitoral.

Sobre possível delação, Cunha não teria dito claramente se faria ou não, apenas disse que onde está ficam pessoas que não vão aderir à medida.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions