A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

24/07/2018 19:44

MDB mantém convenção e aguarda novo pedido para libertar Puccinelli

Por orientação de ex-governador e nome do partido ao governo, preso na Papiros de Lama, reunião teve a data mantida para 4 de agosto

Humberto Marques
Puccinelli teve pedido de habeas corpus negado no TRF-3. (Foto: Arquivo)Puccinelli teve pedido de habeas corpus negado no TRF-3. (Foto: Arquivo)

 

O Diretório Regional do MDB decidiu manter para 4 de agosto a convenção estadual do partido, que definirá seus candidatos nas eleições deste ano em Mato Grosso do Sul. A decisão foi tomada a partir de orientação do seu presidente regional, o ex-governador André Puccinelli –nome da legenda para disputar o Executivo estadual e que foi preso na sexta-feira (20) dentro das investigações da operação Papiros de Lama.

Puccinelli teve negado nesta terça-feira (24) pedido liminar de habeas corpus pelo desembargador federal Maurício Kato, do TRF-3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região), que descartou tese de “constrangimento ilegal” com as prisões e aceitou argumentos de que as prisões são necessárias par continuidade das apurações sobre lavagem de dinheiro de propinas e ocultação de bens a partir do Instituto Ícone –registrado em nome do advogado João Paulo Calves e que investigadores apontam pertencer, de fato, a André Puccinelli Junior, filho do ex-governador.

Em nota, o diretório informou que seus dirigentes acreditam que o novo pedido de liberdade a ser formulado tem boas chances de ser aceito, revertendo a decisão, assim que for protocolado. Os pedidos são assinados pelos advogados Renê Siufi, que defendeu Puccinelli e seu filho, e André Luiz Borges Netto, representante de Calves.

Deliberação – No comunicado, o MDB informou que o ex-governador recebeu a notícia sobre a decisão de Kato no final da tarde e avaliou com os advogados os próximos passos da defesa. Ele disse que continua a confiar na Justiça e orientou ao MDB que mantenha a candidatura e aguarde sua liberação, “retomando os preparativos da campanha eleitoral”.

Dirigentes e outros candidatos do MDB foram orientados a manterem a programação de preparativos para a convenção, que será realizada às 8h de 4 de agosto (sábado) na Associação Nipo-Brasileira, quando deve ser apresentada a coligação e as chapas para disputa ao Senado, Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa e os candidatos a governador e vice.

Tanto a manutenção da convenção como da candidatura de Puccinelli já haviam sido informadas ao Campo Grande News por integrantes do partido nesta tarde.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions