A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

05/12/2012 15:17

Moka critica demora do Congresso em avaliar vetos presidenciais

Gabriel Neris
Waldemir Moka durante reunião da Comissão de Assuntos Sociais do Senado (Foto: Divulgação)Waldemir Moka durante reunião da Comissão de Assuntos Sociais do Senado (Foto: Divulgação)

O senador Waldemir Moka (PMDB) afirmou nesta quarta-feira (5) que o Congresso Nacional precisa exercer sua função de apreciar os vetos presidenciais para que o processo legislativo seja concluído na elaboração das leis. A declaração foi feita durante reunião da Comissão de Assuntos Sociais do Senado.

O parlamentar argumentou que há centenas de vetos do Executivo para serem apreciados. “A Constituição diz que o Congresso deve elaborar as leis, cabendo ao Executivo decidir pela sanção ou pelo veto total ou parcial. E determina que o veto seja apreciado pelo Congresso, que pode mantê-lo ou derrubá-lo, e isso não vem ocorrendo”, alertou.

Moka contou com o apoio do senador Paulo Paim (PT-RS). “Há vários projetos vetados como o que prevê aumento para os aposentados, e não estamos fazendo nossa parte”, disse.

As críticas pela demora do Congresso em votar vetos do Executivo também foram engrossadas pela senadora Ana Amélia (PP-RS). “Passamos vários anos discutindo matérias relevantes e as aprovamos. Mas aí o Executivo veta e o assunto fica parado. Temos de reagir”, afirmou.

O senador sul-mato-grossense articula com o senador Wellington Dias (PT-PI) a apresentação de requerimento pedindo urgência na apreciação do veto da presidente à distribuição dos royalties do petróleo. “Temos de votar. Mantido ou não o veto, o processo democrático terá sido concluído”, reforçou.

Marun ainda quer votar relatório da JBS antes de posse no ministério
Na véspera de ser empossado como ministro da Secretaria de Governo, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), relator da Comissão Parlamentar Mista de Inqué...
Senado aprova R$ 1,9 bi a estados para compensar desoneração de exportações
Após suspender a sessão do Congresso Nacional, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), retomou os trabalhos do plenário da Casa com o obj...
Temer discutirá data de votação da reforma da Previdência nesta quinta
O anúncio do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), de que a votação da proposta de reforma da Previdência ficará para fevereiro causou r...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions