ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, QUINTA  13    CAMPO GRANDE 24º

Política

MS enviará helicóptero para ajudar RS com 8 mil desalojados pela chuva

Temporal afeta mais de 140 cidades e já causou 13 mortes

Por Caroline Maldonado e Gabriela Couto | 02/05/2024 11:50
Rua alagada no município de Santa Maria, no Rio Grande do Sul (Foto: Juliano Mendes/Prefeitura Municipal de Santa Maria)
Rua alagada no município de Santa Maria, no Rio Grande do Sul (Foto: Juliano Mendes/Prefeitura Municipal de Santa Maria)

O governador Eduardo Riedel (PSDB) conversou com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), na noite de quarta-feira (1º), e se comprometeu a enviar apoio para ajudar nos trabalhos de amparo às vítimas do temporal que já causou 13 mortes e deixou 8,3 mil pessoas fora de casa. O Estado já decretou estado de calamidade pública devido às inundações em mais de 140 cidades com as chuvas dos últimos quatro dias, que já chegaram ao triplo do esperado.

O Governo de Mato Grosso do Sul vai enviar ao Rio Grande do Sul um helicóptero, além de outros recursos que forem solicitados pela Defesa Civil de lá, conforme informado por Riedel durante Simpósio Justiça Desportiva Brasileira - Perspectivas e Práticas, no TJMS (Tribunal de Justiça), na manhã desta quinta-feira (2). A Defesa Civil informou que ainda não há informações detalhadas sobre o anúncio do governador.

Conforme a assessoria de comunicação do governo, além do helicóptero serão enviados bombeiros militares à medida que o governo solicitar.

Titular da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), Antônio Carlos Videira; governador Eduardo Riedel; e comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Frederico Reis Pouso Salas (Foto: Saul Schramm/Governo MS)
Titular da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), Antônio Carlos Videira; governador Eduardo Riedel; e comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Frederico Reis Pouso Salas (Foto: Saul Schramm/Governo MS)

Na quarta-feira (1º), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) também ligou para Leite e avisou que enviaria reforços com quantos profissionais forem necessários. O presidente anunciou ainda que viajaria hoje (2) ao Estado para ver de perto a situação e oito helicópteros partiriam de Brasília para o RS. Até ontem, as aeronaves já estavam a postos, porém esperando condições ideais para voo.

Ainda estão previstas chuvas que devem somar mais de 340 milímetros no RS. Leite disse, durante a conversa com Lula, que a previsão aponta trégua da chuva apenas durante o fim de semana.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias