A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Julho de 2018

07/10/2012 09:50

Nelsinho diz que aguarda PSDB para aliança no segundo turno

Fabiano Arruda e Paula Vitorino
Prefeito Nelsinho Trad concede entrevista nesta manhã. (Foto: Minamar Junior)Prefeito Nelsinho Trad concede entrevista nesta manhã. (Foto: Minamar Junior)

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), que votou nesta manhã na escola estadual Professor Severino de Queiroz, avaliou o quadro eleitoral para sua sucessão.

Falando sobre o segundo turno, como indicam as pesquisas recentes de intenção de voto, Nelsinho afirmou que aguarda o PSDB para apoiar o candidato Edson Giroto (PMDB).

Segundo Nelsinho, “muitas pessoas” do PSDB não concordaram com a candidatura de Reinaldo Azambuja. Agora, disse esperar que o partido “fique do lado certo, onde sempre estiveram”. “O bom filho a casa torna", completou.

O peemedebista também falou da expectativa para a próxima fase da disputa. Defendeu que o candidato do partido siga no debate de propostas e que, de agora em diante, a população deve analisar quem “tem mais preparo e não é genérico”.

“As pessoas querem sentir que o candidato sabe e pode fazer”, pontuou.

Além disso, Trad criticou o fato de a disputa contar com seis candidatos que atacaram Giroto, juntos. “Isso pôde ser observado claramente”, disse, referindo-se ao debate da TV Morena na última quinta.

Trad ainda defendeu que a cidade prossiga com as mudanças que sofreu nos últimos anos. “Campo Grande não pode correr o risco de frear agora”.

Sobre os índices de rejeição que o candidato do PMDB apresenta nas pesquisas de intenções de voto, Nelsinho minimizou e disse esperar que os índices caiam no segundo turno. Afirmou que a “transferência” de votos de líderes para seus candidatos virou dificuldade em todo País.

Para ele, o exemplo claro é do ex-presidente Lula, que indica o ex-ministro Fernando Haddad (PT) à Prefeitura de São Paulo, no entanto, sem conseguir “decolar” na disputa.

O prefeito Nelsinho Trad, o governador André Puccinelli e o candidato Edson Giroto estão juntos nesta manhã para a votação. Primeiro eles estiveram na escola Lúcia Martins Coelho, onde o governador vota. Depois, na escola Professor Severino de Queiroz, seção eleitoral do prefeito. E depois na escola São José, local em que Giroto vai à urna.



As pessoas ficam brigando por candidatos, ao invés disto deveriam todos se unir para uma Campo Grande melhor... Os candidatos até tentam a paz, mas os eleitores estão causando muita intrigra entre si... vergonha
 
Jhaqueline Oliveira em 07/10/2012 12:06:09
Até gosto de vc, Sr. Prefeito, mas vai sonhando, pq vai dar Reinaldo e Bernal do 2º turno e creio que o Reinaldo não vá querer o apoio do PMDB.
 
Márcio Patrocinio em 07/10/2012 10:42:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions